24 de setembro de 2020 Atualizado 12:06

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Literatura

Livros de autoajuda pessoal e financeira são os preferidos na quarentena

Dos 15 livros mais vendidos no Brasil entre os dias 23 de março e 12 de julho, dez são de autoajuda, sobretudo financeira

Por Agência Estado

02 ago 2020 às 09:22 • Última atualização 02 ago 2020 às 09:25

Dos 15 livros mais vendidos no Brasil de 23 de março até 12 de julho, durante a quarentena, 10 são de autoajuda, sobretudo financeira, dois são de ficção – ambos de George Orwell (1984 e A Revolução dos Bichos) -, apenas três foram escritos por mulheres, dois são de brasileiros e só um é recente, do fim de 2019: Pequeno Manual Antirracista, de Djamila Ribeiro,
cujas vendas foram influenciadas também pelos debates e protestos que se seguiram ao assassinato de George Floyd.

Thiago Nigro lidera a lista – Foto: Divulgação

O ranking foi feito pela Nielsen, a pedido do Estadão, e mostra o brasileiro Thiago Nigro no topo, com Do Mil ao Milhão Sem Cortar o Cafezinho.

“Thiago é um fenômeno, todos escutam o que ele fala. Ele citou dois livros antigos e vimos as vendas deles aumentarem também”, diz Daniela Kfuri, diretora de Marketing e Vendas da HarperCollins Brasil referindo-se aos títulos O Homem Mais Rico da Babilônia, que vende duas vezes mais agora e o 7º no ranking, e O Investidor Inteligente, o 15º.

Do Mil ao Milhão, de 2018, foi o terceiro livro mais vendido do ano passado e não é o único daquela lista a continuar com uma boa performance. A Sutil Arte de Ligar o F*da-se, o best-seller de 2018 e de 2019, está na segunda posição.

Os Segredos da Mente Milionária, Pai Rico, Pai Pobre, O Poder do Hábito, Mindset e O Milagre da Manhã também seguem entre os mais vendidos, afinal, não é de hoje que estamos cansados e querendo melhorar alguma coisa – a conta bancária, o ânimo diante da vida e de suas adversidades -, desejos acentuados em tempo de incertezas.

As lições do autor que lidera a lista dos mais vendidos

Aos 29 anos, Thiago Nigro é o autor do livro mais vendido no Brasil na quarentena. Do Mil ao Milhão Sem Cortar o Cafezinho, lidera o ranking. O criador do canal O Primo Rico, com mais de 3 milhões de seguidores, vendeu 400 mil exemplares deste livro que ensina como ganhar mais, gerenciar suas finanças e investir melhor.

Thiago Nigro falou sobre seu livro best-seller e contou que a obra é resultado de tudo o que estudou ao longo da vida, do que ouviu de milionários e bilionários, e de tudo o que aprendeu na prática.

Por que você acha que o seu livro é o mais vendido da quarentena

Nigro
Existe um conjunto de qualidade do livro, que se prova no tempo. Aliado a isso, as pessoas, neste momento, estão muito preocupadas em administrar suas finanças da melhor forma. Muitas pessoas foram mandadas embora, negócios fecharam. Então, elas precisam saber o que fazer.

Ainda dá tempo de aproveitar esse tempo de isolamento para tentar organizar a vida financeira? Como?

Nigro
Sempre dá tempo. Nunca é tarde para começar. Não importa quantos anos você tem ou em que momento você vive: você precisa organizar hoje a sua vida financeira. A melhor hora foi ontem, sempre. E a segunda melhor hora é agora.

Quais são os principais conselhos para quem quer ser rico?

Nigro 
Você precisa ganhar mais dinheiro, e para ganhar mais dinheiro você precisa respeitar alguns pilares. Precisa agregar valor, porque seu ganho é diretamente ligado a um porcentual do valor que você agrega para alguém, por meio de um serviço ou de um produto. Precisa agregar valor em escala.

Não adianta fazer isso para uma pessoa, tem que fazer para várias pessoas ou empresas. E agregar valor no longo prazo. Agora, não adianta ganhar dinheiro se você não gerenciar bem suas finanças pessoais. Para ser rico, não basta ganhar dinheiro; tem que administrar bem o patrimônio. E há três coisas fundamentais com relação a gastar dinheiro.

A primeira é entender que o maior inimigo das finanças pessoais é a antecipação de sonhos. Não tem dinheiro, mas quer comprar um carro que não pode. Então, financia. Se você faz isso, vai trabalhar para pagar a conta e esse sonho pode virar um pesadelo. A segunda é ter uma planilha de orçamento e uma planilha da riqueza (em que você lança uma vez por mês tudo o que você tem em cada conta de cada banco, na corretora ou em ativos).

A terceira diz respeito aos investimentos – que são a diferença entre o seu ganho e o seu gasto. Ela precisa ser investida e multiplicada. Então, é preciso aprender a investir.

Publicidade