YouTuber foge da matemática em seu 1º livro

Conhecido por canal de educação “Exatas Exatas”, com mais de 800 mil inscritos, Umberto Mannarino lança obra infantojuvenil


Quem busca material de apoio na internet para se dar bem no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) certamente já ouviu falar de Umberto Mannarino. O dono do canal “Exatas Exatas”, com mais de 800 mil inscritos, se prepara para uma nova empreitada: a literatura juvenil. “Das Cinzas de Onira” (Editora Planeta) é o primeiro livro de ficção do youtuber de 23 anos.

A obra em nada lembra a lógica matemática a qual está acostumado (bem como seus seguidores). “Das cinzas de Onira” conta a história de Olívia, uma menina que perdeu os pais em um incêndio e se muda para a casa dos tios, onde encontra um portal para um mundo obscuro repleto de mistérios, Onira.

Foto: Divulgação
Após viagem ao Japão, autor resolveu investir em obra de fição cheia de imaginação

O livro conta com boas doses de aventura nonsense e bom humor, já avisa o autor. “Também existe uma segunda forma de entender o livro, que exige uma interpretação mais dedicada das entrelinhas. Os leitores vão passar um bom tempo decifrando os enigmas de Onira e como eles se relacionam com o passado de Olívia”, diz Mannarino.

Quem acompanha o trabalho do youtuber jamais imaginaria tal feito (nem ele!). O cenário começou a mudar quando passou uma temporada no Japão para estudar Química. O contato com outra cultura lhe possibilitou novas experiências como a escrita, a qual denomina ser um “escape do mundo real”.

“Até os 18 anos eu era exclusivamente de Exatas. Nunca havia cogitado a possibilidade de criar um mundo fictício, muito menos gostar tanto do processo”, afirma. As ideais eram anotadas a medida que surgiam e, um dia, se encaixaram como um quebra-cabeça dando origem ao livro, conta Mannarino que chegou a publicar alguns trechos no Instagram.

O autor ressalta que “Das Cinzas de Onira” é um projeto independente do canal “Exatas Exatas”, que é totalmente voltado à educação, mas ressalta ser uma conquista pessoal. “Onira se tornou tão parte de mim quanto o conteúdo de Matemática e ENEM, e compartilhar isso é dividir com todos um novo lado da minha vida”.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora