Flaam divulga vencedores de concurso de poesia e contos

Feira Literária e Artística de Americana será realizada neste sábado e domingo, no Civi


As lágrimas que surgiram em seus olhos no final da leitura eram um alerta para a professora Fátima Lucena: estava diante de um texto que consegue transmitir empatia com a dor do outro. E foi a capacidade de despertar sensações, entre outros elementos, que levaram esta e outras 49 poesias ou contos a serem selecionadas no 2º Concurso Literário da Flaam (Feira Literária e Artística de Americana), que será realizada no próximo sábado, das 18h às 21h30, e domingo, das 9h às 18h, no Civi (Centro de Integração e Valorização do Idoso).

A lista de produções escolhidas foi divulgada nesta segunda-feira. No total, foram enviados 193 textos. “A gente vê essa força interior da alma do escritor no texto, mostrando pra gente a dor do outro, essa empatia, essa questão da alteridade, pro seu texto, para sua produção. Isso encanta um crítico literário, encanta o leitor”, enaltece Fátima, coordenadora do prêmio junto com o professor Ivan Lúcio Ferreira, em relação ao conteúdo de obras que foram selecionadas.

Foto: Divulgação
Flaam divulga vencedores de concurso de poesia e contos, que teve como tema a ‘tolerância’

O tema do concurso foi tolerância, devido ao cenário político atual, segundo a organizadora. E os estudantes demonstraram “muita preocupação” com o assunto, destaca ela. “Eles têm uma preocupação muito bonita com a questão da tolerância, com a construção de um mundo melhor”, acrescenta a docente.

Na categoria poesia do Ensino Médio, o primeiro lugar ficou com Júlia Alvots de Castro, que tem 17 anos e já havia vencido na primeira edição. “Eu busquei abordar o tema ‘tolerância’ em meu texto como característica de uma erudição conquistada a partir da prontidão do ser humano a aprender sobre a pluralidade intrínseca à vida social, para assim respeitar e conviver harmoniosamente com as diferenças”, aponta Júlia, que demonstra altruísmo, também, ao citar seu sonho profissional, que não envolve a escrita: “Desde pequena gosto demais da área da saúde e acabei construindo o sonho de atuar como médica na organização Médico Sem Fronteiras. No entanto, eu jamais deixaria de escrever. A escrita sempre fez parte da minha vida e é um recurso que me faz muito bem. Quando acontece algo bom, algo que fico indignada, ou até mesmo quando estou triste, registro tudo”, conta.

Os primeiros lugares de conto e poesia do Ensino Médio receberão uma bolsa de ensino técnico e uma de graduação. Já os primeiros lugares de conto e poesia do Ensino Fundamental 2 receberão um voucher de viagem pela SNT Turismo. Os demais classificados receberão certificados, troféus e kits literários. Os 50 melhores textos serão transformados em um e-book a ser produzido pela Editora Adonis.

A entrada para o evento é gratuita. O Civi fica na Rua Major Rehder, 650, Centro. Toda a programação e selecionados podem ser consultados em www.flaam.com.br.

POESIA ENSINO FUNDAMENTAL
1º LUGAR
“Um Mundo Melhor”
Raquel Demer Da Costa Benedicto

2º LUGAR
“Era Uma Vez?”
Iara Pereira De Abreu

3º LUGAR
“Tolerância x Intolerância”
Bernardo Omodei Monteiro Perdigão

POESIA ENSINO MÉDIO
1º LUGAR
“Tolerância Erudita”
Júlia Alvots De Castro
2º LUGAR
“A Rigidez Intolerante”
Ana Carolina Prado Faria Jorge

3º LUGAR
“Tolerância Natural”
Henrique Rodrigues Azarias

CONTO ENSINO FUNDAMENTAL
1º LUGAR
“Por Quê?”
Maria Eduarda De Freitas Barranco

2º LUGAR
“O Outro Lado”
Jackeline Da Silva Romano

CONTO ENSINO MÉDIO
1º LUGAR
“Lado A Lado”
Laura Fioroni Concon

2º LUGAR
“O Negro Deve Morrer Mamãe”
Ana Carolina Da Silva Gómez

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!