Hortolândia abre 400 vagas para cursos de teatro e dança

As aulas começam no dia 17 de fevereiro de 2020, e serão de segunda a sexta-feira, das 19h às 22h30, na própria Escola de Artes


A Prefeitura de Hortolândia está com inscrições abertas para 400 vagas para Formações Culturais (cursos profissionalizantes) gratuitas de Teatro e Dança. Podem participar pessoas a partir de 16 anos, que estejam cursando o Ensino Médio ou já tenham concluído. Menores de idade precisam estar acompanhados do responsável.

Os interessados devem se inscrever até o dia 10 de janeiro na Escola de Artes “Augusto Boal”, localizada na Rua Casemiro de Abreu, s/nº, no Jardim Amanda.

Foto: Divulgação
Mesmo com a inscrição, o interessado terá que passar por processo seletivo que será aplicado pelos arte-educadores que ministram os cursos

Para se inscrever, é preciso apresentar cópia da Carteira de Identidade (RG), do comprovante de residência, do atestado de escolaridade do Ensino Médio ou Ensino Superior e uma foto 3×4. Em caso de menor de idade, cópia da Carteira de Identidade (RG) ou de outro documento de identificação do responsável.

Mesmo com a inscrição, o interessado terá que passar por processo seletivo, que será aplicado pelos arte-educadores que ministram os cursos. Esses profissionais possuem graduação, mestrado e doutorado e são selecionados por processo de credenciamento baseado na experiência artística e docente.

Aulas

As aulas começam no dia 17 de fevereiro de 2020, e serão de segunda a sexta-feira, das 19h às 22h30, na Escola de Artes. A duração mínima é de quatro semestres, com carga horária de 1.160 horas. Ao final, os aprendizes participam da Mostra de Artes da Cena (MAC), realizada pela prefeitura, com espetáculos encenados pelos próprios aprendizes.

Os cursos profissionalizantes têm componentes curriculares práticas e téoricas. O aprendiz pode optar por cursar de uma a cinco componentes curriculares oferecidas no semestre, de acordo com seu interesse e disponibilidade. Ele pode ainda complementar a formação com atividades extra-curriculares promovidas pela prefeitura. Não é obrigatório cursar todas as componentes para ter direito ao histórico escolar.

Por meio dos cursos, o aprendiz pode solicitar o registro profissional (DRT) junto ao SATED (Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos e Diversões do Estado de SP) e ao SindDança (Sindicato dos Profissionais de Dança do Estado de São Paulo) para pode atuar nos respectivos mercados de trabalho.

* Estagiária Maíra Torres, sob supervisão de Talita Bristotti

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora