04 de março de 2021 Atualizado 08:25

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Televisão

Daphne Bozaski encara seu primeiro papel de época

Mesmo antes de entrar no “set” de “Nos Tempos do Imperador”, ela participava de intenso processo de imersão e preparação

Por Caroline Borges / TV Press

13 fev 2021 às 10:02

A cabeça de Daphne Bozaski estava completamente envolvida com os acontecimentos e detalhes do Século 19. Mesmo antes de entrar no “set” de “Nos Tempos do Imperador”, nova novela das seis, a atriz de 28 anos participava de um intenso processo de imersão e preparação para a trama assinada por Alessandro Marson e Thereza Falcão.

Quando estava prestes a colocar os pés nos estúdios para encarnar a inocente Dolores, porém, os trabalhos da novela foram suspensos e a estreia foi adiada em virtude da paralisação dos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro, por conta da pandemia do novo coronavírus.

Mesmo sem a estreia de “Nos Tempos do Imperador”, Daphne seguiu no vídeo recentemente, na reprise de Malhação – Foto: Divulgação

Apesar da retomada lenta e gradual das gravações, o folhetim ainda não tem data prevista para ir ao ar. “De repente, tudo mudou. Tudo parou e ficamos sem respostas. Fiquei ansiosa, claro. Foi muito conflitante, porque havia um medo em enfrentar o novo coronavírus, ainda tão desconhecido e transmissível. Sabia da necessidade do isolamento, de se ficar em casa, de proteger o outro e nós mesmos. Mas toda aquela energia para entrar em cena estava lá, pronta. Assim como todo o mundo, literalmente, precisei me reprogramar, em todos os sentidos”, explica.

TRAMA

Na história, Dolores é irmã da protagonista Pilar, papel de Gabriela Medvedovski. As duas são filhas do Coronel Eudoro, de José Dumont. Enquanto a primeira foi criada em um convento e sabe ler, escrever e falar outras línguas, Dolores não teve a mesma sorte.

Com o sonho de ser médica, Pilar foge para o Rio de Janeiro, deixando a irmã com o pai, na Bahia, o que causa um grande sofrimento na caçula, que acaba sendo prometida em casamento a Tonico, vivido por Alexandre Nero.

“A novela tem uma trama de época e uma história familiar complexa. A personagem me conquistou à primeira vista. É diferente de tudo o que eu já fiz e isso é uma enorme sorte, construir uma carreira com trabalhos tão distintos”, valoriza.

MALHAÇÃO

A trama de “Nos Tempos do Imperador” não será a primeira vez que Daphne contracena com Gabriela. As duas fizeram parte do elenco de “Malhação – Viva a Diferença”, em que interpretaram as protagonistas Benê e Keyla, respectivamente.

O projeto infantojuvenil foi tão bem sucedido que ganhou o “spin off” “As Five”, disponível no Globoplay. “Somos amigas e ficamos ainda mais próximas depois que soubemos que iríamos nos reencontrar. Fora de cena, nem sei dizer o tamanho do prazer em estar com ela de novo. Mas em cena temos um desafio que está nos deixando muito, muito empolgadas e estimuladas: mostrar para o público personagens novas, numa relação que nada tem a ver com as ‘Five’”, pondera.

Mesmo sem a estreia de “Nos Tempos do Imperador”, Daphne seguiu no vídeo recentemente. Ela revisitou a meiga Benê na reprise de “Malhação – Viva a Diferença” e também curtiu a estreia da série “As Five”, que, inclusive, já tem uma segunda temporada confirmada.

A atriz celebrou a continuidade longa do projeto liderado por Cao Hamburger. “Esse projeto é muito especial. Ele já nasceu, em 2017, no formato de temporada de ‘Malhação’, com o desafio de trazer tramas para serem contadas sob uma perspectiva inovadora. E assim foi. Tenho o maior orgulho de fazer parte deste time. ‘As Five’, enquanto série, conseguiu cativar um público que a abraçou com as melhores expectativas para descobrir o que aconteceu no destino daquelas cinco amigas”, explica.

Publicidade