11 de agosto de 2020 Atualizado 19:14

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Ator

Daniel Blanco: com a cabeça no lugar

No ar em dose dupla, na Globo e na Record, Daniel Blanco aguarda o retorno das gravações de “Gênesis”

Por TV Press

08 jul 2020 às 08:08

Daniel Blanco estava totalmente imerso no universo bíblico durante as gravações de “Gênesis”, próxima novela da Record. O ator, no entanto, viu os trabalhos serem subitamente interrompidos por conta do avanço da pandemia do novo coronavírus.

Ao ser informado das novas diretrizes, Daniel ficou aliviado de saber que o projeto, que ainda não tem uma nova data definida de estreia, seria paralisado apenas por um breve tempo, mas seguiria nos planos da emissora.

Ao longo do período da quarentena, Daniel tem buscado ficar em casa o maior tempo possível – Foto: Divulgação

“Primeiro a gente se preocupa com a própria saúde e da família. Pensei: ‘tomara que as gravações parem agora e a gente volte depois’. Fiquei triste porque já estava no embalo, já tinha gravado mais da metade das minhas cenas e já estava me entrosando com todos do meu núcleo. Mas saúde em primeiro lugar. Era importante ter minha responsabilidade social, ficar em casa e ter o contato com o mínimo de pessoas”, explica.

A trama é baseada no livro da bíblia “Gênesis” e contará a história da criação até o período de escravidão do povo hebreu no Egito. No enredo, Daniel viverá Naor, um dos filhos de Terá e Nadi, interpretados por Ângelo Paes Leme e Camila Rodrigues.

“O Naor é um personagem mais novo do que eu, ele tem 17 anos. Não posso adiantar muito ‘spoiler’, mas é um personagem muito mulherengo e que acredita que pode ter qualquer mulher da cidade em qualquer momento”, adianta Daniel, que completou 26 anos em fevereiro.

“Fiquei feliz de fazer um personagem mais novo e que posso resgatar emoções da adolescência, como a impulsividade. O Naor quer ter atitudes maduras, mas não passa de um moleque. Também estou feliz de participar de um projeto tão grandioso. É uma novela com várias fases e mais de 400 personagens”, completa.

REPRISES
Enquanto não retorna aos estúdios de gravação, Daniel tem a chance de acompanhar dois trabalhos completamente distintos na tevê. O ator pode ser visto na edição especial de “Totalmente Demais”, da Globo, e também na reprise de “Jesus”, da Record.

Acompanhando a atual novela das sete, o intérprete do mimado Fabinho se surpreendeu com a grande repercussão da reexibição da trama escrita por Rosane Svartman e Paulo Halm.

“Não imaginei que essa novela fosse ser reprisada tão rápido. A repercussão está muito amplificada. Recebo muitas mensagens de gente falando que não gosta das armações do Fabinho para cima do protagonista Jonatas (Felipe Simas). As pessoas ficam indignadas. Fico feliz porque significa que fiz um trabalho fiel”, aponta.

Já em “Jesus”, Daniel interpretou Alfeu e gravou boa parte de suas sequências no Marrocos. “Foi marcante ter ido para o Marrocos. Foi a primeira vez que pisei no continente africano para trabalhar com algo que eu amo. Fiquei impressionado pelas paisagens”, valoriza.

QUARENTENA
Como se considera um sujeito bastante caseiro, o ator não sentiu grandes dificuldades no início do isolamento social.

“Estou aproveitando para compor músicas, escrever, fazer vídeos, praticar canto e violão. Também faço treinos funcionais de segunda a sexta e nos fins de semana me divirto com a minha namorada, (a atriz Anna Rita Cerqueira) com jogos de tabuleiro, filmes diversos e muita música boa. Sei que sou privilegiado de poder ficar em casa com a minha família neste momento”, afirma.