17 de julho de 2024 Atualizado 21:00

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Cultura na região

São Paulo Companhia de Dança reabre Teatro Municipal Manoel Lyra

Com pré-estreia de Umbó, corpo artístico apresenta três espetáculos nesta sexta e sábado, gratuitamente

Por Isabella Holouka

10 de agosto de 2021, às 07h49

A SPCD (São Paulo Companhia de Dança) se apresenta na reabertura do Teatro Municipal “Manoel Lyra” para o público presencial, nesta sexta-feira (13) e sábado (14), às 19h30, com entrada franca. A sala de espetáculos passou por reforma, concluída na semana passada, única intervenção em seus 26 anos de história.

📲 Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Haverá reserva de ingressos pelo site www.ingressodigital.com, a partir das 10 horas desta terça-feira (10). Será obrigatório o uso de máscaras pelo público e a ocupação da plateia estará limitada a 42% da capacidade total, garantindo o distanciamento entre as poltronas.

O corpo artístico da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo é gerido pela Associação Pró-Dança e dirigido por Inês Bogéa. Em nota divulgada à imprensa, ela comemorou o retorno a Santa Bárbara d’Oeste, para a quinta apresentação da companhia na cidade.

“É uma alegria voltar a encontrar o carinho do nosso querido público de Santa Bárbara d’Oeste, agora com a pré-estreia de Umbó, que revela o talento de uma jovem coreógrafa e fala sobre inspiração e representatividade. Estar no palco com um repertório assinado por artistas brasileiros demonstra a criatividade do nosso povo e a força da dança feita em São Paulo”, afirma a diretora artística e executiva.

Pivô, obra de Fabiano Lima, trabalha movimentos do basquete – Foto: Wilian Aguiar

As apresentações abrem com Pivô, obra de Fabiano Lima eleita o terceiro melhor espetáculo de dança pelo júri do Guia da Folha de S.Paulo em 2016, ano de estreia da coreografia. A criação trabalha movimentos do basquete, do hip-hop e da dança contemporânea ao som de composições brasileiras como a ópera O Guarani (1870), de Carlos Gomes (1836-1896).

Na sequência, os bailarinos apresentam o Grand Pas de Deux de Carnaval em Veneza, em versão de Duda Braz a partir da obra de Marius Petipa (1818-1910). Vibrante e virtuoso, esse duo clássico toma como inspiração os bailes de máscaras da Europa do século XVII.

Grand Pas de Deux de Carnaval em Veneza, na versão de Duda Braz, é apresentação vibrante e virtuosa – Foto: Fernanda Kirmayr

O encerramento fica por conta da pré-estreia de Umbó, primeiro trabalho original da coreógrafa baiana Leilane Teles para São Paulo Companhia de Dança. A obra, que tem figurino de Teresa Abreu e iluminação de Gabriele Souza, busca refletir sobre como a arte do outro reverbera em cada um, evidenciando o papel da inspiração no processo de criação.

O cantor e compositor Tiganá Santana, a cantora Virginia Rodrigues e o coreógrafo Matias Santiago são o ponto de partida de Umbó, que convida o público a apreciar e reverenciar as artes e trajetórias dessas personalidades, bem como os bailarinos em cena e todos os artistas envolvidos nesta concepção.

Umbó, de Leilane Teles, busca refletir sobre como a arte do outro reverbera em cada um – Foto: Rafaela Zavisch

As apresentações em Santa Bárbara d’Oeste são viabilizadas pela Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio de Itaú, apoio de CDF, parceria institucional da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo de Santa Bárbara d’Oeste e realização da Associação Pró-Dança/São Paulo Companhia de Dança, Governo do Estado de São Paulo por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa e Secretaria Especial da Cultura (Ministério do Turismo, Governo Federal).

Acontece: São Paulo Companhia de Dança na reabertura do Teatro Municipal Manoel Lyra
Programa: Pivô, de Fabiano Lima; Grand Pas de Deux de Carnaval em Veneza, versão de Duda Braz; pré-estreia de Umbó, de Leilane Teles
Datas: 13 e 14 de agosto
Horários: Sexta e sábado, às 19h30
Endereço: R. João XXIII, 61 – Centro – Santa Bárbara d’Oeste/SP
Capacidade física: 255 lugares
Entrada Franca mediante reserva em www.ingressodigital.com a partir das 10h do dia 10 de agosto

Publicidade