10 de maio de 2021 Atualizado 09:11

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Gaiolas abertas

Livro de americanense reflete sobre passarinhos presos em gaiolas

Obra é voltada ao público infantil e foca a narrativa em personagem que descobre a missão de libertar as aves; produção é o primeiro livro da americanense Aline Silva

Por Isabella Holouka

15 abr 2021 às 08:04 • Última atualização 15 abr 2021 às 10:14

Com o título “Gaiolas abertas, asas libertas”, o primeiro livro da contadora de histórias americanense Aline Silva, de 40 anos, reflete sobre o aprisionamento de pássaros e incentiva a libertação dos animais através de uma narrativa infantil.

Em entrevista ao LIBERAL, Aline conta que a história foi escrita para as crianças, mas também visa a conscientização dos adultos, já que estes são os principais responsáveis pela manutenção de passarinhos em gaiolas.

“Talvez a gente possa, a partir de hoje, não ter mais este problema”, argumentou a autora.

A escritora Aline Silva escreveu o livro para as crianças, mas diz que ele serve de alerta também para conscientizar os adultos – Foto: Ernesto Rodrigues / O Liberal

O livro traz como personagem central uma menina sensível que é surpreendida por um pombo levando um papel amarelo com a seguinte mensagem: “Podem roubar minhas asas, mas nunca poderão roubar o meu canto”.

O episódio serve como ponto de partida para que ela se sensibilize com os pássaros presos em gaiolas, cuide dos animais e busque conscientizar outras pessoas.

“A história é sobre uma menina que descobre sua missão de libertar aves”, afirmou a autora americanense, que se inspirou em momentos pessoais para a composição da história. A autora conta ter trabalhado na área da saúde com visitas de casa em casa em meados de 2011, período em que presenciou muitos pássaros em gaiolas em sofrimento devido ao calor ou falta de cuidado.

“Vi pessoas que tinham muitos pássaros e senti um chamado para falar sobre isso, já tendo em mente a frase escrita no papel amarelo”, disse. Posteriormente, outros episódios reais envolvendo pássaros engaiolados sensibilizaram a autora e também estão registrados no livro.

Com publicação independente e ilustrado por Veronica Cristoni, o livro “Gaiolas abertas, asas libertas” pode ser comprado diretamente com a autora, pelo número (19) 97423-0453, com possibilidade de envio pelos Correios ou entrega presencial.

A escritora Aline Silva participa nesta quinta-feira (15) de uma live promovida no canal do SBU (Sistema de Bibliotecas da Unicamp) no YouTube com o tema “A criatividade na adversidade: O nascimento de livros infantis durante isolamento social”.

A live foi motivada por reportagem do LIBERAL publicada em março com a autora, a contadora de histórias Andréia Celegato e o produtor cultural Ronaldo Britto, todos de Americana, sobre o ingresso na literatura infantil durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). A live tem início às 14h30 e vai contar com a presença dos três autores.

Publicidade