26 de setembro de 2021 Atualizado 23:11

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Zabobrim

Grupo teatral de Campinas inicia temporada online de peça consagrada

Exibições do espetáculo cômico "Zabobrim, o Rei Vagabundo" iniciam nesta sexta-feira (16) e seguem até 25 de abril

Por Isabella Holouka

16 abr 2021 às 07:49

O Barracão Teatro, centro de investigação e pesquisa das artes da cena localizado em Campinas, estreia nesta sexta-feira (16), às 20 horas, um dos clássicos do repertório do grupo adaptado ao formato digital.

A adaptação de “Zabobrim, O Rei Vagabundo” foi filmada e formatada para uma série de seis apresentações online e gratuitas nas plataformas digitais do Barracão Teatro. A temporada de apresentações segue nos dias 17 e 18 de abril (sábado e domingo); 23, 24 e 25 de abril (sexta a domingo), sempre às 20h.

Série com seis apresentações online e gratuitas inicia nesta sexta-feira (16) – Foto: Paula Poltronieri

“É um espetáculo cômico que junta as máscaras do palhaço com as máscaras de commedia dell’arte, um gênero italiano que surgiu há muito tempo, e já faz muito tempo também que o Barracão Teatro vem adaptando essa linguagem para a realidade brasileira”, contou ao LIBERAL a diretora Tiche Vianna.

“Juntamos as duas máscaras e o palhaço brinca com as cenas, interfere em tudo, baseado na dramaturgia do circo-teatro, e esta é a figura do palhaço dentro dos espetáculos”, complementa.

O espetáculo “Zabobrim, O Rei Vagabundo”, foi concebido para ser uma obra volátil que dialogasse diretamente com o público. Desde sua estreia, em 2015, circulou por diversas cidades, foi apresentado em festivais, mostras e temporadas.

Na improvisação direta com a plateia, ia se reconfigurando a atualização de piadas, interações e comentários, sempre a partir dos acontecimentos atuais e do retorno do espectador.

Com a adaptação, o Barracão Teatro busca a realização de um “teatro audiovisual”, segundo a diretora da peça – Foto: Paula Poltronieri

Para a adaptação do espetáculo aos formatos digitais, o Barracão Teatro contou com a parceria da produtora de vídeo Mapache Filmes – fundada e dirigida pelo videomaker e cineasta Levi Munhoz.

Segundo Vianna, muitos momentos do espetáculo que antes eram destinados à interação com o público na adaptação foram substituídos pelos recursos visuais, com a possibilidade de manter o mesmo divertimento do teatro, e na tentativa de descobrir ou realizar um “teatro audiovisual”.

“Entendemos que essa ressignificação não foi simplesmente o ato de filmar um espetáculo teatral já concebido, mas criar uma adaptação da obra feita exclusivamente para ser vinculada e apresentada nas redes, a fim de possibilitar um diálogo presente com o espectador que assiste do outro lado da tela”, destaca ela.

O projeto é contemplado pelo ProAC (Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo), com recursos da Lei Aldir Blanc.

Além das apresentações pelo Youtube, outra novidade é que o grupo de teatro receberá o público às 19h40 em uma antessala da plataforma Zoom, para conversar com os participantes. Este é o link de acesso para a noite de estreia, na sexta-feira. Nos dias seguintes, o link estará disponível no YouTube e Instagram do Barracão Teatro.

Publicidade