03 de agosto de 2021 Atualizado 23:39

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Sinto o que conto

Em ação solidária, venda de livro é revertida ao Boldrini

Livro de prosas e poesias infantis tem participação da americanense Alyssa Tomiyama

Por Isabella Holouka

21 jun 2021 às 08:48

As autoras do livro “Sinto o que conto, contos que sinto” estão promovendo uma ação solidária em prol do Centro Infantil Boldrini neste mês de junho. Ao comprar o livro, por R$ 45 mais a postagem, parte do valor será revertido ao hospital filantrópico de Campinas que é referência no tratamento de câncer infantil e doenças do sangue.

“Sinto o que conto, contos que sinto” reúne nove autoras de diferentes gerações, profissões e localidades, dentre elas a americanense Alyssa Tomiyama, de 13 anos. Ela é contadora de histórias, booktuber e idealizadora do projeto de incentivo à leitura e cultura “Alyssa e a magia da leitura” desde os 9 anos.

“Tive a oportunidade de contar histórias no hospital e conhecer de perto o trabalho deles [Boldrini]. É emocionante. Portanto, nada melhor do que fazer essa ação para ajudá-los”, destacou.

Conto escrito por Alyssa para o livro foi inspirado nos sentimentos incitados pela pandemia – Foto: Divulgação

Através de prosas e poesias infantis, o livro permite ao leitor um mergulho em diferentes emoções. O conto escrito por Alyssa, “O bilhete da saudade”, foi inspirado nos sentimentos incitados pela pandemia da Covid-19, conforme contou ao LIBERAL a escritora mirim em dezembro do ano passado, na época do lançamento.

O livro está em sua segunda reimpressão pela Editora Adonis. Para adquiri-lo e apoiar o Centro Boldrini, basta entrar em contato pelas redes sociais, no Instagram @contosquesinto, Facebook “Sinto o que conto, contos que sinto” ou WhatsApp (19) 99271-4644.

Publicidade