05 de agosto de 2021 Atualizado 11:03

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

“Causos de Alumiar”

Comédia teatral apresenta causos de Santa Bárbara

Espetáculo reúne atores experientes, em apresentação para todos os públicos; exibições continuam até sábado

Por Isabella Holouka

15 jun 2021 às 14:47

Com base nos contos tradicionais e causos contados pela população de Santa Bárbara d’Oeste, a Cia Xekmat estreou no último final de semana semana o espetáculo de comédia “Causos de Alumiar”, que tem linguagem cênica e músicas originais, e conta com técnicas de animação de teatro de sombras.

O espetáculo é voltado para crianças, jovens e adultos, especialmente o público da terceira idade, e está disponível online pelo Facebook da Cia Xekmat.

Peça pode ser conferida pelo Facebook da companhia teatral até sábado – Foto: Lívia Bueno

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

A intenção da organização do projeto é promover uma exibição por dia, nos períodos da manhã, tarde e noite, até o próximo sábado (19). Além disso, haverá uma oficina de teatro de sombras, com o sombrista Valter Valverde e transmissão pelo Youtube da Cia Xekmat, a partir das 19 horas.

Em cinquenta minutos, “Causos de Alumiar” mostra a vida em territórios barbarenses há algum tempo, quando os prédios, o asfalto e o corre-corre dos dias atuais ainda não existiam, segundo nota divulgada pela Cia Xekmat.

Com a caracterização de um grande número de personagens e os recursos do teatro de sombras, os atores recontam histórias contadas pelos antigos moradores da cidade, que muitos juram ter vivido ou testemunhado.

O espetáculo destaca, por exemplo, a existência na cidade de um lobisomem. Entretanto, diferente de outros da ficção, ele era conhecido por nome e profissão, além de, segundo desconfia-se, ter brigado e defendido a população de outras assombrações.

Há ainda o causo do chamado “Mistério da Matriz”, quando toda a população da cidade, em frente à igreja matriz trancada, viu uma imagem que misturava anjo, fantasma e aparição, andando pela construção sagrada e até batendo o sino.

A estes causos juntam-se à “Praga do Padre”, “O Susto das Caveiras”, e outras histórias, capazes de deixar o público em um misto de encanto e assombro.

O causo é uma forma tradicional de narrar histórias, que na maioria das vezes são carregadas de exageros e de informações de difícil comprovação. Normalmente, as histórias são contadas e recontadas através do tempo, como um registro não oficial de um local, personagem ou povo. Isso costuma acontecer devido à originalidade das narrativas, ou o fato de terem supostamente acontecido com seus narradores.

O elenco de “Causos de Alumiar” é formado por quatro atores com ampla experiência na área teatral, originários de três diferentes grupos teatrais da cidade de Santa Bárbara d’Oeste: Amauri de Oliveira e Roberto Isler da Cia Xekmat, Thiago Oliveira do Grupo de Teatro Mirabolantes e André Lima do Mirabolantes e do Grupo de Estudos Teatrais Miragem.

A música do espetáculo ficou a cargo do músico e maestro Giovanni Bonfim, enquanto a animação com teatro de sombra foi subsidiada pelo ator e sombrista Valter Valverde, profissional premiado na área.

O LIBERAL no seu e-mail: se inscreva na nossa newsletter

A equipe é completa com Renata de Paula na operação de som; Leonardo dos Santos na operação de iluminação; cenário e elementos cênicos de Thiago Oliveira, Amauri de Oliveira e Nivaldo Paz Bueno.

O projeto é realizado com recursos da Lei Aldir Blanc, por meio da Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Governo Federal, Secretaria Municipal de Cultura e Turismo e Prefeitura Municipal de Santa Bárbara d’Oeste.

Publicidade