30 de maio de 2020 Atualizado 15:01

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Dança

Bailarinos apresentam espetáculo pela internet

Apresentação de 55 minutos percorre toda a trajetória dos artistas Eliana Favarelli e Reginaldo Sama até o período atual, em isolamento social; performance gravada em local isolado da região contou com todas as medidas de segurança necessárias

Por Isabella Holouka

09 Maio 2020 às 09:07 • Última atualização 09 Maio 2020 às 10:09

A parceria de 10 anos entre os bailarinos Eliana Favarelli e Reginaldo Sama será comemorada neste sábado (9) com um espetáculo especial no canal da artista no Youtube.

O lançamento está marcado para 21h30 e a apresentação faz uma retrospectiva, desde os primeiros trabalhos da dupla até uma “vídeo dança”, em caráter experimental, gravada durante a quarentena.

 Os dois bailarinos trabalham junto há uma década e já receberam prêmios até no exterior – Foto: Divulgação

A data não podia passar em branco. A ideia inicial era comemorá-la com apresentação no Teatro Municipal Lulu Benencase, que no início do ano passava por reforma, após um acidente no ano passado. Mas a pandemia veio antes e forçou a adaptação dos planos.

Eliana revelou ao LIBERAL nesta sexta-feira, que o espetáculo inicia justamente recordando a trajetória da dupla e apontando as premiações internacionais. Depois, de dança em dança, os bailarinos chegam ao momento atual.

“É a nossa história, desde a primeira coreografia. Fizemos uma compilação, contando a história da nossa trajetória e no final a gente tem um trabalho novo, que fizemos virtualmente, nesses dias que a gente está em confinamento”, comenta a bailarina.

As danças premiadas foram apresentadas em cidades como Barcelona, Viena e Praga, ou em países como a Itália e Portugal, embora também haja duas coreografias gravadas em Americana.

A “vídeo dança”, como a artista chama a última apresentação, foi feita em dois dias, com os bailarinos separados, embora dançassem no mesmo local, na companhia apenas do cinegrafista. O resultado mostra a sincronicidade entre eles, de acordo com Eliane, e reflete sobre o período que vivemos, com a pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

“Fomos a um lugar próximo a São Pedro, onde não há ninguém, no entardecer. Foi feito com condições de segurança para não atrapalhar o isolamento, mas parece que a gente pensou nos mesmos movimentos. Ficou muito interessante, bonito”.

Aulas virtuais. Para a bailarina, a dança é uma área bastante afetada pelas medidas de isolamento social. Ela cita o cancelamento de pelo menos duas apresentações em outros países, e comenta sobre os artistas que tiveram contratos pausados nesse período. Contudo, as atividades da escola Twist Dança e do Grupo Espaço Dançar não param.

Os dançarinos continuam com as aulas virtuais, gravadas ou realizadas pelo aplicativo Zoom. Além disso, o canal no Youtube também conta com o projeto Quarentena Cultural, em que às quartas, sábados e domingos disponibiliza espetáculos de dança.

Crianças
Dentre os infantis, destacam-se as apresentações ‘A Pequena Sereia’ e ‘Dumbo’. Os espetáculos ‘Se Não Houver Amanhã’, ‘Cartas para o Brasil’, ‘Quem mandará Flores’ e ‘Selfie-se… Se Puder’ também ficam no canal até o final da quarentena – uma alternativa para viver ou reviver a emoção da dança, em casa, enquanto a vida não volta à normalidade.