16 de setembro de 2021 Atualizado 22:47

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Cultura na região

Artistas usam as tintas para representar universo lúdico e inspirar estudantes

Três escolas públicas de Americana receberam intervenções artísticas do projeto "Grafitti nas Escolas"

Por Isabella Holouka

03 jul 2021 às 09:24 • Última atualização 03 jul 2021 às 09:31

Três escolas públicas de Americana receberam intervenções artísticas através do projeto “Grafitti nas Escolas”, promovido através da Lei Aldir Blanc no município.

Tiveram um mural grafitado as escolas estaduais Maria do Carmo Augusti, no Jardim Governador Mario Covas III, e Maria Lucia Padovani de Oliveira, na Chácara Letônia, além da escola municipal Sylvino Chinelatto Caic, no
Jardim da Paz.

A escola Maria do Carmo Augusti, no Jardim Governador Mario Covas III, foi uma das três unidades públicas que receberam as intervenções artísticas – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

A ação foi uma iniciativa do grupo Pánico Crew, que reúne artistas de diversos estados brasileiros, através dos americanenses Werighton Gustavo Moraes, de 39 anos, Bruno Albuquerque, de 34, e Everton Alcimar, de 40 anos.

À reportagem, Bruno contou que os grafiteiros fizeram um mural por dia, utilizando cerca de 100 latas de tintas em spray e látex, no total.
As ações foram nos meses de março e maio, sem a presença de público, respeitando os momentos de endurecimento das medidas contra a disseminação do novo coronavírus (Covid-19), do Plano São Paulo.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

“Nas escolas usamos temas infantis e lúdicos, para buscar na imaginação das crianças um mundo que elas veem nos livros ou nos desenhos que elas gostam. Escolhemos bairros mais humildes para mostrar uma arte que muitos dali só veem em cidades grandes, em filmes”, disse.

Ação foi uma iniciativa do grupo Pánico Crew, que reúne artistas de diversos estados brasileiros – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

“A arte pode mostrar um caminho diferente para aquelas crianças viverem”, completou.

O LIBERAL no seu e-mail: se inscreva na nossa newsletter

Na página da Secretaria de Cultura pelo Facebook é possível conferir três vídeos que mostram os grafiteiros em ação nas escolas, os desenhos tomando forma e, por fim, finalizados. A produção e edição do conteúdo é do próprio grupo.

LEI. Na postagem, o secretário de Cultura, Fernando Giuliani, voltou a lembrar que a Lei Aldir Blanc foi uma forma de auxiliar os trabalhadores do setor cultural, um dos mais afetados pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

“A Secretaria de Cultura e Turismo esteve atenta à realização destas contrapartidas, com todo protocolo sanitário e está planejando a realização das futuras no momento adequado”, disse ainda.

O projeto inscrito por Werighton Gustavo Moraes no edital do Inciso III, na faixa II, foi contemplado com R$ 5 mil, segundo divulgado pela secretaria.

Publicidade