05 de junho de 2020 Atualizado 22:27

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Covid-19

Coronavírus altera programação dos cinemas da região

Salas em Santa Bárbara d’Oeste, Piracicaba e Campinas anunciam a suspensão temporária de sessões pelas próximas semanas

Por Danilo Reenlsober

18 mar 2020 às 08:35 • Última atualização 27 abr 2020 às 11:14

A pandemia do novo coronavírus começou a alterar a programação dos cinemas da RPT (Região do Polo Têxtil). Sem nenhuma estreia agendada para esta quinta-feira, os espaços continuam exibindo filmes de semanas anteriores. Alguns, inclusive, já começaram a reduzir a quantidade de exibições.

Em cidades como Santa Bárbara d´Oeste, Piracicaba e Campinas, alguns cinemas resolveram fechar as portas temporariamente para evitar novos casos da Covid-19, doença causada pelo vírus.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp. Envie uma mensagem para ser adicionado na lista de transmissão!

A Feneec (Federação Nacional das Empresas Exibidoras Cinematográficas) divulgou uma nota informando que “as empresas exibidoras brasileiras estão acompanhando atentamente todos os comunicados do Ministério da Saúde e das Secretarias Estaduais de Saúde relativos à Covid-19” e que os profissionais que atuam nas salas estão recebendo informações sobre como realizar a manutenção e a higiene adequadas.

Foto: Marcelo Rocha / O Liberal
As salas de cinema da Rede Multiplex, localizadas no Vic Center, em Santa Bárbara, vão deixar de exibir filmes pelos próximos 30 dias

Com base nesses dados, a gerência do Moviecom, no Tivoli Shopping, em Santa Bárbara d´Oeste, confirmou que segue com a exibição de filmes como “Bloodshot”, “Dois Irmãos”, “Sonic” e “O Homem Invisível”, mas que não terá nenhuma estreia, já que as produtoras optaram por cancelar qualquer lançamento durante os próximos dias.

“Os consumidores que adquiriram ingressos de forma antecipada poderão entrar em contato com nossa central de atendimento ao consumidor para o reembolso de seus ingressos”, afirma a gerência da Moviecom, por meio de nota.

O Cinesystem, cinema localizado no Shopping Hortolândia, segue a mesma cartilha da Feneec e mantém sua programação, no entanto, com horários reduzidos, ou seja, menos sessões durante o dia.
Fechados. Alguns cinemas, no entanto, tomaram medidas mais extremas. A rede Multiplex, localizada no Vic Center, em Santa Bárbara d´Oeste, anunciou paralisação por 30 dias. Alguns exibidores de Campinas e Piracicaba também já fecharam as portas temporariamente com o objetivo de evitar a proliferação do novo vírus.

Saiba tudo sobre o coronavírus, o que ele provoca e como se prevenir

Em Piracicaba, o Cine Araújo deixou de exibir filmes nesta terça-feira. “Já não estamos mais vendendo ingressos”, disse a gerente da unidade, Rosa Maria Leite. “Os funcionários receberão férias coletivas. Essa é a primeira vez que algo assim acontece, é uma coisa totalmente atípica. Vamos aguardar os desdobramentos para ver quais serão as medidas tomadas”, complementa.

O Kinoplex tomou a mesma iniciativa e informou que todos os complexos de cinema da rede do estado ficarão fechados por tempo indeterminado. Isso afeta diretamente a unidade localizada no Shopping Parque Dom Pedro, em Campinas, que não terá expediente nas próximas semanas. O mesmo vale para cinemas da rede localizados no Rio de Janeiro e Distrito Federal.

Além da Capa, o podcast do LIBERAL

A edição desta semana do podcast “Além da Capa” fala sobre a pandemia do Covid-19, o novo coronavírus, e seus impactos nas cidades que fazem parte da RPT (Região do Polo Têxtil). Ouça:

{{1}}