Pérola celebra 1ª personagem adulta da carreira

Com 13 anos de carreira no vídeo, a atriz conhece bem os detalhes, segredos e macetes que envolvem a produção de uma novela


A televisão é ambiente familiar para Pérola Faria. Com 13 anos de carreira no vídeo, a atriz conhece bem os detalhes, segredos e macetes que envolvem a produção de uma novela. Ainda assim, ela teve paciência para começar a desbravar caminhos inéditos na tevê.

No ar em “Topíssima”, da Record, a atriz de 27 anos, que cresceu diante das câmeras, se depara pela primeira vez com uma personagem adulta e totalmente distante do universo juvenil.

Foto: Divulgação / TV Record
Pérola Faria

“Brinco que agora fui promovida a adulta. Acho que o ‘Dancing Brasil’ fez eu mostrar esse lado mulher. Tem gente que, quando começa cedo, tem essa dificuldade, porque ninguém consegue ver essa pessoa como adulta, então some um tempo. Mas foi legal que eles conseguiram ver isso e me dar essa oportunidade”, valoriza.

Na história assinada por Cristianne Fridman, Pérola interpreta a ambiciosa Angélica, secretária particular de Sophia, papel de Camila Rodrigues. Amigas desde a faculdade, ela, na verdade, só quer se beneficiar do estilo de vida que Sophia a proporciona. Na realidade, Angélica é uma sanguessuga e morre de inveja da empresária.

“Ela é realmente uma amiga da onça, porque se faz de melhor amiga da Sophia, mas passa tudo para a mãe dela e faz fofoca. Ela cria um complô com a mãe em troca de dinheiro, para passar informações da Sophia. Ela é bem interesseira e aproveitadora, vai para a balada com a Sophia e se diverte com o dinheiro dela”, explica Pérola, que toma cuidado para não cruzar com pessoas invejosas em seu círculo social.

Pérola não teve nenhuma referência concreta para construir a personagem. Ao longo do período de pré-produção, a atriz buscou compor uma personalidade para a vilã que também flertasse com a comédia.

“Essa novela foi legal porque foi algo diferente para mim. Ela é malvadinha e engraçada. Eu nunca tinha feito uma personagem assim, então, para mim, foi um desafio. Mas aí me falaram para pegar um pouco da personagem ruiva, que é a secretária em ‘O Diabo Veste Prada’”, aponta ela, referindo-se ao papel de Emily Blunt no longa protagonizado por Meryl Strip.

VISIBILIDADE

Natural do Rio de Janeiro, Pérola surgiu na televisão ao integrar o elenco de “Páginas da Vida”, em 2006. Na trama de Manoel Carlos, ela viveu uma jovem bailarina que sofria com as pressões da mãe e desenvolveu distúrbios alimentares.

Apesar de ter estreado na Globo, foi na Record que a atriz encontrou espaço para crescer e ganhar visibilidade. Na emissora, ela integrou o elenco de novelas, como “Bela, A Feia”, “Os Dez Mandamentos” e “Apocalipse”.

Mesmo com as novas reconfigurações do mercado, Pérola nadou contra a corrente e teve seu contrato com a emissora renovado no ano passado.

“Quero ter a experiência de cinema, de fazer séries. Mas eu falo que, enquanto a Record me quiser, estarei aqui. Amo muito trabalhar aqui e me sinto muito querida. Na época do ‘Dancing’, o meu contrato venceu em setembro e, em novembro, eles renovaram. Mas eu já estava preocupada, vinha aqui e falava que iria sentir saudade desse lugar”, lembra. CAROLINE BORGES_TV PRESS

No passo da vitória

Nem só de novelas foi recheada a trajetória de Pérola Faria na Record. No ano passado, a atriz, que estreou na tevê vivendo uma bailarina, se reencontrou com a dança. Ela integrou o elenco da quarta temporada do “Dancing Brasil”, apresentado por Xuxa Meneghel. A atriz, inclusive, poderia ter participado da temporada de estreia do “reality show”. Porém, como emendou diversos trabalhos, a escalação não se concretizou na época.

“Sempre achei o programa muito legal. Acabei entrando com medo, porque eu sou envergonhada. Mesmo antes de saber que eu iria ganhar, o caminho foi realmente transformador na minha vida. Porém, ter ganhado foi a melhor coisa do programa (risos)”, valoriza.

Instantâneas

# Durante “Apocalipse”, Pérola precisou pintar seus fios de rosa. “A tinta acabou com meu cabelo (risos). Mas para ‘Topíssima’, cortaram, aí o cabelo renovou e já cresceu de novo. Eu gosto de mudar para a personagem”, explica.

# Pérola começou a estudar teatro aos 6 anos de idade.

# Além de “Páginas da Vida”, a atriz também participou do especial “Por Toda a Minha Vida”, da Globo. Na produção, ela viveu a cantora Nara Leão na juventude.

# Pérola tem uma experiência com dublagem. Ela dublou a personagem Leslie Burke no filme “Ponte para Terabítia”.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora