Leticia Cecília comenta sua estreia na televisão

Fotógrafa profissional, a intérprete da esperta Fafi de “Malhação” estava acostumada a ficar por trás das câmeras


O mundo artístico é uma parte importante da rotina de Leticia Cecília. Porém, a atuação era uma ideia quase inexistente. Fotógrafa profissional, a intérprete da esperta Fafi de “Malhação” estava acostumada a ficar por trás das câmeras. No entanto, viu sua rotina mudar ao ser descoberta através de seu Instagram.

“Foi algo inesperado. Através da minha rede social, fui chamada para fazer um vídeo-cadastro e acabaram gostando de mim para viver a Fafi. Eu sempre me interessei por arte em geral, mas não tinha tido oportunidade de embarcar em uma arte diferente da fotografia e da dança”, explica a atriz, que não deixou a fotografia de lado.

Foto: Divulgação
Leticia Cecília

“Comecei tirando fotos da Lua porque sempre gostei muito de estar em contato com a natureza. Depois que concluí meus estudos, fui mudando meus estilos e hoje sou retratista. Busco mostrar o interior das pessoas em minhas fotos por meio do olhar principalmente”, completa.

Recém-chegada na história de Emanuel Jacobina, Fafi é aluna do Colégio Otto Lara Resende. A jovem pretende ajudar Henrique, papel de Lucca Picon, a conquistar Andressa, de Monique Bourscheid. Para isso, eles embarcam em um namoro falso.

“Tenho ouvido alguns comentários sobre a Fafi recentemente. Falam que ela é engraçada, carismática e bem protegida. Tem gente que torce para a Fafi e o Henrique ficarem juntos. Ela é uma menina muito alegre, politizada, confiante, inteligente e apaixonada”, afirma.

Raio X de Letícia Cecília de Vasconcello Sobreiro.

Nascimento: Em 19 de dezembro de 2001, no Rio de Janeiro.
Interpretação memorável: “Adam Driver no filme ‘História de um Casamento’”.
Um momento marcante na carreira: “Minha estreia na tevê”.
O que falta na televisão: “Uma representatividade sem estereótipos”.
O que sobra na televisão: “Potencial mal aproveitado”.
Com quem gostaria de contracenar: Giovanna Antonelli. “Sou apaixonada por ela desde sua personagem na novela ‘O Clone’”.
Se não fosse atriz, o que seria: “Jornalista”.
Ator preferido: “John Travolta”.
Atriz preferida: “Meryl Streep”.
Novela preferida: “O Clone”, de 2001, da Globo.
Vilão marcante: Voldemort, interpretado por Ralph Fiennes na saga “Harry Potter”.
Personagem mais difícil de compor: “Fafi. É minha primeira personagem e tem sido um desafio para mim”.
Que novela gostaria que fosse reprisada: “O Clone”.
Que papel gostaria de representar: “Ferris Bueller em ‘Curtindo a Vida Adoidado”.
Filme: “Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban”, de Alfonso Cuarón.
Autor predileto: J.K Rolling.
Diretor favorito: Quentin Tarantino.
Vexame: “No meu primeiro dia de gravação de ‘Malhação’, tropecei e caí na frente da Carol Dallarosa e da Dora de Assis, não as conhecia ainda”.
Uma mania: “Coçar o olho”.
Um medo: “De agulha. Tenho pavor”.
Projeto: “Ser fotojornalista”.

“Malhação” – Globo – De segunda a sexta, às 17h50.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora