17 de setembro de 2020 Atualizado 23:15

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Carnaval 2020

Blocos de Carnaval em Americana e S. Bárbara já se mobilizam

Foliões já se preparam para garantir a diversão nos dias de folia neste ano, quer será no final do mês de fevereiro

Por Valéria Barreira

10 jan 2020 às 07:45

Se depender dos blocos de rua, a diversão está garantida no Carnaval 2020. Em Americana e Santa Bárbara d´Oeste, eles já se mobilizam para fazer a alegria dos foliões de todas as idades, tocando muita marchinha, samba-enredo e axé. Sem verba do poder público, eles têm em comum a vontade de fazer a festa acontecer e assim colaborar para manter viva a tradição.

O Bloco das Bárbaras é o maior deles. Será o seu quinto ano consecutivo pelas ruas de Santa Bárbara. Ele surgiu de uma iniciativa descompromissada idealizada por um grupo de amigos. No primeiro ano, cerca de 50 pessoas aderiram à ideia. No ano passado, foram 4 mil e para 2020 a expectativa é reunir 5 mil foliões.

Foto: Gabriel Pigatto / Divulgação
Desfile de foliões em Santa Bárbara d’ Oeste no ano passado; montagem de blocos vira tendência na região

Uma das idealizadoras e organizadoras, Vivian Helena Ignácio, informa que o bloco sairá na segunda-feira de Carnaval e se estrutura para acolher de forma cada vez melhor o seu público. Pela primeira vez desde que foi criado, o bloco terá uma banda puxando os foliões. “Como cresceu e tomou essa proporção, estamos nos estruturando para melhorar a cada ano”.

Para isso, o bloco promove eventos para fazer caixa, além de correr atrás de patrocínio para também ajudar a bancar os custos. Ao som de marchinhas e axé dos anos 1990, a ideia é manter sua proposta de “carnaval livre”, onde todos os foliões são bem-vindos e não precisam pagar para participar. “É só chegar e se divertir”.

Ainda em Santa Bárbara, os blocos Traquitana e do Durva também voltam às ruas neste ano. Segundo Renan Incerpi Porfirio, um dos organizadores dos blocos, mais uma vez eles sairão acompanhados pelo trio elétrico tocando samba-enredo e marchinhas. No ano passado, perto de mil pessoas saíram nos dois blocos. “Reunimos desde crianças de colo até pessoas da terceira idade”, comenta Renan.

Ele informa que 90% dos custos dos dois blocos são bancados pelos próprios organizadores, que também buscam patrocínio para cobrir as despesas. Para 2020, uma das novidades será o uso de abadás pelos foliões do Traquitanas. O percurso ainda não foi fechado, mas o desfile deve acabar mais uma vez na Praça Central de Santa Bárbara.

Americana

Em Americana, dois blocos estão se mobilizando para sair às ruas durante os festejos de momo. O Bloco do Coreto já confirmou que sairá pelo segundo ano consecutivo e desta vez esticando a sua participação em número de dias e locais. Ele fez sua estreia em 2019, reunindo foliões na praça Vinicius de Moraes, no bairro Antonio Zanaga, na segunda-feira de Carnaval.

Em 2020, sairá todos os cinco dias de festa e circulará por praças (de preferência as que contenham coreto) de outros bairros do município. Além disso, prepara mais uma novidade. Segundo Anderson Rodrigues, agitador cultural e um dos idealizadores do grupo, o bloco terá uma bateria para animar ainda mais os foliões. Os ensaios começam nos próximos dias.

Foto: Marcelo Rocha / O Liberal
Com a crise que levou prefeituras a cortarem investimentos no Carnaval nos últimos anos, montagem de Blocos virou tendência

Anderson informa que o grupo surgiu de uma iniciativa de amigos. São cerca de 20 pessoas mobilizadas para colocar o bloco na rua. “A gente se organiza, faz vaquinhas, corre atrás de apoiadores. Tudo para não deixar essa tradição acabar”.

LGBTQ

Celebrando a diversidade, o Bloco Klozy, que também fez sua estreia em 2019, também pode voltar às ruas em 2020. Com a temática LGBTQ+, o bloco reuniu perto de mil foliões no ano passado. Mesmo sob chuva, eles lotaram a Rua Joaquim Luis de Matos, no Centro.

Segundo Lami Ale, da produtora Chatyada, responsável pelo bloco, os organizadores trabalham para viabilizá-lo novamente em 2020 e ainda maior do que no ano passado.

“Estamos tentando viabilizar através de festas e com ajuda de apoiadores. Também estamos buscando patrocínio. Além de festejar o Carnaval, o Klozy também celebra o nosso orgulho. O ano passado foi muito legal e nesse ano vamos tentar fazer ainda melhor”.

Prefeituras começam a planejar ações

A Prefeitura de Santa Bárbara é a única da região que já tem definido o Carnaval de 2020. Segundo informações da Secretaria de Cultura, a cidade planeja a 3ª edição do Carnaval DuzEnta, nos dias 22, 23 e 24 de fevereiro, na Praça Central.

Em Americana, a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo informa que na próxima segunda-feira, dia 13, será realizada uma reunião para definir a viabilidade e possível cronograma do carnaval na cidade.

As prefeituras de Sumaré e Hortolândia informaram que ainda não definiram a programação e a de Nova Odessa já descartou a realização do Carnaval, informando que o município não promoverá eventos neste ano. Em Santa Bárbara, a Prefeitura abriu inscrições para os blocos interessados em participar do “Carnaval DuzEnta”, no site oficial do município (santabarbara.sp.gov.br).

O carnaval barbarense busca o resgate das tradições carnavalescas, promovendo a folia por meio da reprodução das marchinhas em conjunto com as manifestações populares. A primeira edição foi há três anos, como parte das comemorações pelo bicentenário do município.

Publicidade