05 de agosto de 2020 Atualizado 13:52

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Audaz

Bassora prevê mercado publicitário em constante mutação

Fundador da Audaz afirma que diálogo multidisciplinar será essencial para a comunicação com o grande público no futuro

Por Luciano Assis

15 mar 2020 às 08:26 • Última atualização 27 abr 2020 às 11:10

Nada mais é estático na comunicação. Assim poderia ser resumido o pensamento do publicitário Alexandre Bassora sobre os próximos anos no mercado publicitário ou jornalístico. As novas tecnologias obrigam uma constante mutação e entendimento da sociedade. De certa forma, esse foi também o papel da empresa que ele fundou há 20 anos, como deixa claro o livro “6 x 3 + 2 =” .

A obra conta com depoimentos de profissionais, clientes e amigos que contribuíram na história da agência. A publicitária e jornalista Cristiane Negrão conduziu as entrevistas e a organização textual da publicação. O projeto gráfico é do premiado desenhista gráfico e type designer Daniel Justi. Já as intervenções textuais são de Felipe Valério.

Foto: Fávaro Jr. / Divulgação
Prédio da Audaz no bairro Santa Catarina, em Americana: uma das poucas agências de grande porte no interior de São Paulo

“A ideia não foi fazer um livro de autoelogio, mas um trabalho que possa servir jovens estudantes e interessados em comunicação, de uma forma geral. Afinal, aprendemos muito nessas duas décadas de conquistas e grandes desafios”, pondera Bassora.

Receba as notícias do LIBERAL pelo WhatsApp. Envie uma mensagem para ser adicionado na lista de transmissão!

O livro convida os leitores a conhecerem campanhas premiadas no Brasil e no mundo, além de um portfólio distribuído em 135 páginas. Durante a leitura, também é possível usar o celular para escanear o QR code de algumas campanhas e assistir aos filmes do portfólio produzido pelo time da Audaz nestes 20 anos. “Nossa equipe é formada por profissionais incríveis. Sem ela não conseguiríamos atender nossos clientes”, reconhece Bassora.

LIBERAL

Além de prêmios conquistados por trabalhos com grandes cases no Brasil e no exterior, a Audaz, que hoje emprega cerca de 90 pessoas, também mantém diálogo com empresas locais, como o Grupo O Liberal.

Para o LIBERAL, por exemplo, Bassora e sua equipe idealizaram os dois últimos projetos gráficos da empresa, nos anos 2006 e 2012. Esses trabalhos ganham destaque no livro que chega ao público nesta semana. O motivo é simples: o orgulho de Bassora por eles.

“Um jornal como o LIBERAL mexe com a autoestima de uma cidade. Por isso, nosso desafio foi mexer com a autoestima do jornal e consolidar seu posicionamento”, resume o publicitário.

Além das letras

Adão Iturrusgarai: A capa e as ilustrações do livro são de Adão Iturrusgarai, cartunista e ilustrador admirado por Bassora. Tanto que há vários anos suas obras e quadros ilustram as paredes da Audaz.

Audiobook: A obra também conta com uma versão em áudio, disponível no Spotify, com músicas e depoimentos de pessoas que fazem parte da história da agência.

Além da Capa, o podcast do LIBERAL

A edição desta semana do podcast “Além da Capa” fala sobre a pandemia do Covid-19, o novo coronavírus, e seus impactos nas cidades que fazem parte da RPT (Região do Polo Têxtil). Ouça:

{{1}}