Fotógrafa de Americana faz mostra e oficina no Sesc

Explorando temáticas variadas, fotógrafa de Americana leva três mostras e uma oficina a evento do Sesc Piracicaba


A fotógrafa Ada Schveitzer, de Americana, vai levar três mostras e uma oficina de fotografia com celular para o Rio das Artes, evento de artes visuais do Sesc Piracicaba, neste sábado e domingo. A entrada no evento é gratuita. 

A programação reúne 97 artistas em 48 espaços da cidade com intervenções, oficinas e mostras visuais. Ada é formada em fotografia pelo Senac Campinas e atua como fotógrafa e coordenadora das oficinas e vivências de fotografia do Caleidoscópio Brasil.

As exposições da fotógrafa ficarão no Espaço da Floreia, no sábado e domingo, das 10h às 17h. Uma delas é a “Do Que é Feita a Capoeira?”. A série é composta por 20 imagens e é fruto da percepção da fotógrafa sobre a capoeira, que já pratica há cinco anos e fotografa há quatro.

Foto: Ada Schveitzer
Imagem de capoeiristas registrada por Ada Schveitzer para o ensaio “Do Que é Feita a Capoeira?”, que ela leva ao Sesc

“Eu queria ter uma série que pudesse falar da capoeira de uma maneira mais poética, tendo a luta presente, mas não como foco principal. Então retrato o olhar de satisfação do mestre em ver que formou um bom aluno, a música, os movimentos de uma forma recortada ao invés de mostrar apenas o domínio. Para mim, a capoeira vai além da luta e queria uma série que falasse da mandinga, da malícia, da alma do capoeirista”, explica ela.

O processo de pesquisa feito, não apenas na imersão da fotógrafa na prática da luta, como pela conversa com quem estuda e vive de capoeira. “Tenho contato com instrutores e mestres. Na capoeira o conhecimento é passado verbalmente, temos poucas literaturas. Então a pesquisa também seguiu essa linha de buscar conhecimento junto aos antigos e quem está diretamente ligado com os mestres”, detalha a jovem fotógrafa.

Outra série que estará no espaço será a “Retratos Artísticos”, na qual Ada fotografa pessoas atuantes na arte e na cultura, parte delas da região. “As pessoas retratadas foram escolhidas por serem intensas na sua maneira de ver o mundo, de acreditar e fazer acontecer. Achei que elas poderiam ser retratadas com algo além e passei a utilizar técnicas diferenciadas para pessoas que eu enxergava como pessoas diferenciadas. Então temos uso de dupla exposição, maquiagem artística com luz neon, alto desfoque, minimalismo. Usei linguagem diversas para cada um”, detalha.

A terceira mostra é “Moda: Da Euforia ao Aprisionamento”. Nela, a fotógrafa busca, por meio da junção de fotografia e moda, fazer com que os visitantes reflitam sobre a influência da indústria nos modelos de manipulação social e o impacto da imagem que construímos em sociedade através das roupas que usamos.
Já a oficina de fotografia com celular, que se chama “Retratos Sensíveis”, será realizada no domingo, das 13h às 17h. Inscrições pelo link https://forms.gle/nac6Goe6RnedmUVu7.

ACONTECE: As mostras e oficina de Ada Schveitzer no Rio das Artes vão estar no Espaço Floreia (Travessa Maria Manieiro 77, Vila Rezende). As mostras estarão disponíveis das 10h às 17h no sábado e domingo. A oficina ocorre das 13h às 17h do domingo. Informações: (19) 2533-6874 e (19) 98835-0600.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora