Após interrupção gerada pela chuva, shows são retomados no Lollapalooza

Depois de quase duas horas de interrupção por conta do mau tempo, o Lollapalooza retomou a agenda de shows no…


Depois de quase duas horas de interrupção por conta do mau tempo, o Lollapalooza retomou a agenda de shows no período da tarde deste sábado, 6.

Duas horas antes, às 14h20, apresentações foram interrompidas para garantir a segurança dos fãs e dos artistas. Uma nuvem negra se aproximava da região e raios começavam a cair. A pancada veio apenas às 15h30, durou cerca de meia hora e depois a chuva acalmou.

O acesso aos palcos foi novamente autorizado e os shows voltaram a ocorrer perto das 16h20 – os shows que começaram nesse horário seriam mais curtos e a organização informou que tentaria reajustar a agenda conforme a programação inicial.

O acesso pelos portões também foi retomado.

Mais cedo, após alguns bombeiros levantarem a possibilidade de evacuação do evento, o porta-voz da corporação, capitão Marcos Palumbo, garantiu que o festival tem todos os requisitos de segurança e autorizações exigidos.

Por telefone, o capitão disse considerar uma evacuação completa do festival “muito improvável”. “O evento e o Autódromo têm todas as condições de segurança garantidas para situações climáticas e incêndios”, exemplificou. “A única situação que veria uma possibilidade de evacuação seria em um evento fora do comum, como ameaça de bomba.”

O capitão disse que fez uma checagem com o Centro de Operações e o Corpo de Bombeiros e que não recebeu nenhum chamado para a região de Interlagos ou especialmente para o evento. “Quero explicar que o Corpo de Bombeiros recebeu todas estruturas em forma de projeto da administração do evento, e o projeto foi aprovado. Houve toda a participação da corporação inclusive em vistorias no local, brigada de incêndio, sistemas de controle. O evento transcorre de maneira normal e não recebemos nenhum chamado por causa das chuvas. Acreditamos que a equipe de brigadistas consiga resolver todos os problemas de atendimento do público. Qualquer coisa, podemos atuar, mas não houve nenhuma atuação do Corpo de Bombeiros até aqui (15h55)”

Os portões do Autódromo de Interlagos permaneceram fechados por aproximadamente uma hora, com multidões se aglomerando nas saídas – ninguém podia entrar ou sair do festival.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora