06 de maio de 2021 Atualizado 11:55

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Virando a Chave

Gostar de ficar sozinho é normal?

Não há nada a ser provado a ninguém. Quem nos ama nos aceita da forma que somos. Alguém paga suas contas?

Por Ivan Maia

22 fev 2021 às 09:19

Você gosta de ficar sozinho às vezes ou frequentemente? Gosta de estar no meio de pessoas, mas ama ficar sozinho?

Normalmente, pessoas assim tendem a receber críticas, mas você vai compreender neste texto, o que leva uma pessoa a querer ficar sozinha. Afinal, é normal gostar desse comportamento?

Recebo inúmeras mensagens de pessoas que querem saber se é normal gostar de ficar sozinho porque são criticadas por isso. Quero lhe dizer que faz parte do meu trabalho lidar com pessoas, mas também amo ficar sozinho.

Bruce Lee já dizia que “a solidão é uma ótima oportunidade de se encontrar. Faça ótimo uso dela”. A base deste texto está nessa frase fantástica.

Mas o que pode ser considerado normal neste mundo, em especial no Brasil? Só tenho uma coisa a lhe dizer: não há nada normal neste País!

Como lidar com as críticas

Provavelmente se você gostar de ficar sozinho ouvirá chavões do tipo: esquisito, estranho, antissocial e tudo mais. Fique tranquilo e cancele em sua mente todo mal advindo dessas críticas.

Não há nada a ser provado a ninguém. Quem nos ama nos aceita da forma que somos. Alguém paga suas contas? Não, então está tudo resolvido. Se estiver passando por alguma situação que estão lhe fazendo críticas, peça licença seja educado, e saia.

Tenho uma história: havia dois homens que tinham uma loja de roupas na mesma rua, mas de lados diferentes. Um deles só prosperava nos negócios, já o outro passava o dia todo olhando e se perguntava o que o concorrente fazia para a loja estar sempre cheia e a dele não.

Um dia ele atravessou a rua e foi perguntar ao dono da loja porque o seu negócio prosperava. O lojista respondeu:

“É que cuido só do meu negócio e não tenho tempo para cuidar da loja dos outros. Se você parar de cuidar da minha tenho certeza que as coisas irão melhorar”.

Reflita

O dr. Micke Murdock tem uma frase fantástica que diz assim: “aquilo que você é sobreviverá ao que as pessoas dizem que você é”. Portanto, não tema em agradar os outros, seja você mesmo.

Não desperdice sua alegria, não tente responder críticas que não servem para nada. Uma vez que isso acontece, quem poderá sair prejudicado é você mesmo. Seja feliz por ser quem é: único e incomparável.

Saber lidar com as adversidades faz parte da vida. Caso não queira enfrentá-las, basta ficar inerte. Mas neste caso será difícil alcançar a prosperidade.

Se você gosta de ajudar as pessoas, fazer o bem e buscar solucionar problemas ao invés de criá-los, prepare-se para receber críticas. Tente extrair algo positivo quando se deparar com a alguma situação desagradável.

É extremamente importante saber ficar sozinho, para poder ter os momentos de reflexão, autoconhecimento através da leitura, música, meditação, enfim, não há nenhum mal nisso. Fique sozinho e também acompanhado, pois o importante é que você seja feliz.

Características de pessoas que gostam de ficar sozinhas

O primeiro mito a ser derrubado sobre essas pessoas é que elas são antissociais. Isso é mentira porque pessoas que gostam de ficar sozinhas também gostam de se socializar.

Falar excessivamente e fazer fofoca não faz parte dos assuntos dessas pessoas, mas uma boa conversa produtiva e saudável é ponto chave para fazer amizades.

Elas possuem uma mente compreensiva, flexível e respeitam os outros. Gostam de ficar quietas quando necessário, e isso não significa que a pessoa está julgando os outros, apenas está sendo ela mesma.

São ótimas ouvintes e não julgam antes de conhecer, pois conhecem e praticam a habilidade de escutar, o que é imprescindível nos dias atuais. São observadoras e praticam o exercício da gratidão pelas pequenas coisas da vida.

É preciso saber diferenciar o fato de ficar sozinho e viver na solidão: a solidão é muito mais profunda e quando se torna involuntária, precisa de um acompanhamento profissional.

Conseguiu se identificar como uma pessoa que também gosta da própria companhia? Bacana isso, não acha!?

Faça bom proveito da sua companhia e permita-se ser melhor a cada dia buscando sempre também estar ao lado de pessoas que lhe amam e querem seu bem. E lembre-se: você o dono do seu destino.

Longos dias e belas noites! Fique bem.

Ivan Maia

Ivan Maia é treinador emocional, estrategista empresarial, NLP Practiotiiner, palestrante, conferencista e escritor de livros. Ele tem mais de 3 milhões de alunos treinados em mais de 25 países.