15 de abril de 2021 Atualizado 01:15

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Editorial

Vacinação mais próxima

Por Redação

08 jan 2021 às 08:48

Após adiamentos, o governo paulista divulgou nesta quinta-feira os resultados da eficácia da CoronaVac, a vacina produzida pelo Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac. Conforme os dados anunciados, o percentual de proteção é de 78% contra casos leves e 100% contra casos graves, internações e mortes.

Os números alcançados são imensamente positivos, ainda que menores do que outras vacinas, como a Pfizer, ou do que os resultados da CoronaVac em outros países, como a Turquia, onde a eficácia chegou a 91%. Para se ter um parâmetro, a OMS (Organização Mundial da Saúde) recomenda que a eficácia mínima seja de 50%.

Ainda que não proteja a todos de desenvolver um quadro mais brando da Covid-19, a CoronaVac, bem como outras vacinas, terá um papel fundamental na redução da circulação do coronavírus pelo País. Com mais pessoas protegidas, a exposição ao vírus e o risco de ser infectado serão menores.

Nesta quinta, o governo paulista também informou que pediu a aprovação do uso emergencial da CoronaVac junto à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), que prevê um prazo de 10 dias para a análise neste formato.

A autorização neste sentido, emergencial, é semelhante ao que tem ocorrido em outros países, como Estados Unidos, Reino Unido e Canadá e, caso aceita, valeria para o período de pandemia ou até a concessão do registro definitivo à vacina, que deverá ser feito pelo laboratório chinês e que tem um prazo de até 60 dias para ser analisado pela agência.

Com a imunização próxima de ter seu início, cabe agora aos diferentes órgãos de governo se organizarem para atender os cidadãos da maneira mais segura. Em Americana, um plano já em discussão deve ser apresentado na próxima semana, mas de antemão prevê vacinar 35 mil pessoas até março, de acordo com a expectativa do cronograma do governo do Estado. Que seja possível sair do papel em breve.

O Liberal

Neste blog você encontra a opinião do Grupo Liberal de Comunicação, por meio dos textos editoriais publicados na edição impressa.