06 de agosto de 2020 Atualizado 11:51

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Editorial

Restrições mantidas

Por Da Redação

14 Maio 2020 às 08:20

A decisão tomada pelo governador João Doria (PSDB), anunciada em coletiva de imprensa nesta quarta-feira, não foi a que esperava o prefeito Omar Najar (MDB), em Americana. Apesar de inclusos como atividades essenciais pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), academias, salões de beleza e barbearias vão continuar fechados, uma medida parte das restrições sociais para o enfrentamento ao novo coronavírus (Covid-19).

Na noite de segunda-feira, Omar já havia dado sinal de que concordava com o presidente. Em seu perfil em rede social, o prefeito postou uma notícia sobre o decreto de Bolsonaro que alterava as atividades essenciais e negou a um usuário que lhe perguntou, nos comentários da postagem, se o governador poderia vetar tal determinação do presidente.  

A Prefeitura de Americana preferiu aguardar o posicionamento de Doria. Na avaliação do comitê criado pelo Estado para atuar na contingência do novo coronavírus, não há segurança suficiente para flexibilizar atividades enquanto a capital paulista, o interior e o litoral assistem a um avanço mais veloz dos casos.

Na noite desta quarta, a gestão de Omar enviou nota em que se mostrou mais uma vez contrariada com a decisão do governador. Criticou que Doria não tenha acatado o que Bolsonaro decidiu, apesar de o STF ter dado autonomia a estados e municípios para promoverem medidas restritivas durante a pandemia. Isso dentro de uma ação que apontava justamente as “ações e omissões” prejudiciais do presidente na condução da crise do coronavírus.

Faz bem Americana em, mesmo contrariada, seguir as determinações do Estado. A flexibilização das restrições levaria a uma queda ainda maior no isolamento e estimularia a circulação de pessoas em ambientes considerados de grande risco. Mesmo sob normas de higiene, seria difícil que houvesse uma fiscalização segura proporcional ao que se espera desta crise.

O Liberal

Neste blog você encontra a opinião do Grupo Liberal de Comunicação, por meio dos textos editoriais publicados na edição impressa.