20 de outubro de 2020 Atualizado 08:01

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Painel Político

Rafael Macris não exibe logo do PSDB em material de campanha

Tucano é o único dos nove candidatos a prefeito de Americana a omitir o símbolo de seu partido dos “santinhos” virtuais

Por André Rossi

14 out 2020 às 08:00 • Última atualização 14 out 2020 às 08:20

O vereador e candidato a prefeito de Americana Rafael Macris (PSDB) não exibe o logo do seu partido no material de campanha. Ele é o único dos nove candidatos ao cargo máximo do Executivo a omitir o símbolo nas artes divulgadas até o momento.

Rafael vem de uma família de tucanos. O deputado federal e pai dele, Vanderlei Macris, e seu irmão, deputado estadual Cauê Macris, são nomes importantes no partido.

Candidato omite o símbolo do partido tucano nas artes da campanha divulgadas até o momento – Foto: Facebook_Rafael Macris / Reprodução

Até o momento, porém, o PSDB só foi citado nos “santinhos virtuais” em letras pequenas, sem destaque, junto das demais siglas que compõem a coligação “Americana Grande De Novo”. O símbolo também ficou de fora do plano de governo.

Até mesmo a cor amarela, característica da legenda, foi omitida das artes divulgadas, que trazem apenas variações de azul. A justificativa da assessoria da campanha de Rafael é que o design foi escolhido para identificar o mote da campanha, que refere-se ao nome da coligação.

“Da mesma forma, a escolha foi dar espaço igual a todos os partidos, já que trata-se de uma união para fazer Americana Grande de Novo”, traz a nota da assessoria.

No entanto, o fenômeno não é algo isolado. A campanha do prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), também omite os símbolos do partido. Assim como no caso de Rafael, a assessoria justificou que a escolha tem a ver com a coligação.

A nível nacional, o PSDB teve seus três ex-presidentes denunciados no âmbito da operação Lava Jato: Geraldo Alckmin, José Serra e Aécio Neves.

Há ainda uma vertente do partido que teme rejeição aos candidatos nas eleições municipais por conta da forma como governador João Doria (PSDB) conduziu o combate ao novo coronavírus (Covid-19) através do Plano São Paulo, que impôs restrições em diversos setores econômicos.

Redação

Seção abastecida pelos jornalistas do LIBERAL com informações e bastidores da política de Americana, Santa Bárbara e região.