20 de junho de 2021 Atualizado 09:10

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Virando a Chave

Quatro passos para melhorar seu casamento

Se você acredita que seu casamento seja importante, confira as dicas do Ivan Maia para melhorar sua vida conjugal

Por Ivan Maia

15 mar 2021 às 13:12

Como anda seu casamento? Há muitos casamentos que estão acabando, famílias se desfazendo, lares vivendo um caos.

Vou te ajudar com isso. Vou passar alguns passos que dizem respeito a todos os casais: os que moram juntos e estão em busca de obter um relacionamento saudável e ter uma vida equilibrada.

Os passos citados aqui são realizados por mim e sei que dão certo. Muitas vezes pode não ser a coisa mais fácil do mundo, mas é perfeitamente possível ser realizado desde que seu casamento seja importante, e que este assunto lhe interesse, pois, vale a pena lutar por quem você ama.

O casamento precisa ser alimentado todos os dias. Algumas pessoas pensam que depois de estar casado não há necessidade de fazer mais nada, e isso não é verdade. Ao colocar uma aliança no dedo (mesmo que não você não tenha), existe uma promessa, um elo que se você quebrar poderá ser pago um preço alto.

Muitas pessoas não alcançam a prosperidade por não serem felizes no casamento.

1º. MANTENHA O ROMANCE

É comum durante o namoro ver-se durante a semana, mandar mensagens, ir ao cinema, andar de mãos dadas, beijar na boca e mais algumas coisas que compõe o romantismo. Após o casamento há uma tendência de o casal diminuir o romantismo.

Algumas dicas para os homens neste caso: compre uma flor, escreva um cartão, surpreenda sua parceira, seja gentil, educado, abra a porta do carro para ela, puxe a cadeira para ela se sentar, prepare um café…

Todos esses são gestos que muitos não consideram romantismo, mas é uma maneira de dizer que você se importa com a pessoa.

Para as mulheres também é importante ser carinhosa: procure estar perto, dialogar e trocar bilhetes. Não existe casamento perfeito, mas sim, a decisão de ambos buscar um caminho de cumplicidade.

2º. DÊ O DEVIDO VALOR AO SEXO

Há que se buscar um equilíbrio nesta área. Muitos casais não se interessam em viver uma vida sexual saudável. Se você não acredita, leia na bíblia as cartas do Apóstolo Paulo quando ele exorta aos casais que, se precisarem se afastar, que seja por pouco tempo e só para orarem e logo se juntem novamente para não cair em tentação.

Se o casal fica muito tempo longe um do outro, o que você pensa que pode acontecer? Ambos podem cair na tentação de cometer uma traição.

Nós somos seres que passamos energia uns aos outros, quando a traição ocorre uma parte da energia de ambos fica no corpo por 48 horas e caso ela tenha tendência ao suicídio e falhas de personalidade, com certeza esses pontos abalarão sua energia.

Ter uma sexualidade equilibrada na vida conjugal é importante para que possam ter uma vida realizada no casamento. Descubra o que é mais importante para os dois, dialoguem, encontrem o ponto de equilíbrio ideal entre vocês.

A energia sexual é sagrada. É a forma com que Deus escolheu para nos trazer ao mundo. Sugiro que você leia sobre Tantra Yoga, sobre transmutação sexual, e busque o conhecimento para prosperarem juntos.

3º. CRIE UM TEMPO PARA CONVERSAREM

Muitos homens e mulheres não saem com seus cônjuges porque dizem não ter assunto para conversar. Quando namoravam, conversavam durante horas, agora não sabem o que dialogar. Engraçado que assuntos com outras pessoas existem, menos com o cônjuge.

Separa um tempo para dialogar; um diálogo não é monólogo onde só uma das partes fala, mas é o respeito de ouvir e falar entre as partes. Dr. Mike Murdock tem uma frase que diz: “Todo milagre começa com uma conversa”.

Agora depende de vocês reservarem um tempo para dialogar.

4º. VALORIZE O QUE A PESSOA TEM DE BOM

Você não vai encontrar uma mulher perfeita ou um homem perfeito. Eles não existem!

Pegue um papel e escreva 10 coisas que fez você se apaixonar pelo seu cônjuge e querer namorar. Pode ser aspectos físicos, psicológicos, ou qualquer outro que você identificar.

Agora pegue essa lista e faça a seguinte reflexão: Quais desses 10 pontos você ainda admira hoje em dia? Quais deles você não admira mais, e quantos foram acrescentados nessa lista? Eu lhe garanto que várias coisas que o fizeram se apaixonar pelo seu cônjuge ainda está nessa lista.

Muitas vezes estamos cegos e não nos damos conta que ainda existem características novas e antigas que estão presentes e são agradáveis aos nossos olhos.

Como é o caráter do seu (a) parceiro (a)? Como é a honestidade, limpeza e organização? O asseio pessoal, personalidade, cidadania, ética, a forma de ver o mundo, enfim, todos esses pontos podem ser admirados.

Exalte esses pontos que foram descritos na pessoa que você convive, agradeça, perdoe e ame, porque o que mais as pessoas têm reclamado e são dois grandes motivos que levam ao divórcio são: excesso de crítica e falta de valorização.

Por isso é importante dar estes passos, são só alguns, mas você pode ir além para fazer seu melhor. Busque conhecimento e informação, prepara-se para a mudança, seja a mudança que tanta almeja alcançar.

Desejo que você possa dar passos de sucesso em sua vida conjugal, fique bem. 

Ivan Maia

Ivan Maia é treinador emocional, estrategista empresarial, NLP Practiotiiner, palestrante, conferencista e escritor de livros. Ele tem mais de 3 milhões de alunos treinados em mais de 25 países.