28 de setembro de 2020 Atualizado 22:24

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

No Mundo da Moda

Nossa identidade e as máscaras faciais

As máscaras, assim como as roupas, estão refletindo a identidade das pessoas e o que elas desejam expressar

Por Duda Gazzetta

10 set 2020 às 08:11 • Última atualização 10 set 2020 às 10:34

Estamos há pelo menos cinco meses enfrentando a pandemia do Coronavírus e, desde o dia sete de maio, máscaras faciais se tornaram item obrigatório para uso de toda a população.

No início, elas foram aparecendo de forma discreta, sempre brancas e de modelo tradicional. Depois de algum tempo, costureiras, lojas e indústrias têxteis começaram a desenvolver diversas estampas e estilos do protetor facial, que tomaram conta das ruas.  

Conversando com uma amiga psicóloga sobre este assunto, ela me disse que as máscaras, assim como as roupas, estão refletindo a identidade das pessoas e o que elas desejam expressar. E é exatamente isso.

Se antes nos preocupávamos em mostrar quais são nossas crenças e estilos através das nossas roupas, hoje, adquirimos máscaras que mostram aos outros quem nós somos, sejam elas com cores lisas, personagens de quadrinhos, times de futebol, de poás, animal print e até mesmo, de paetês.

As marcas e varejistas percebendo, claro, o interesse do consumidor e a obrigatoriedade do uso, estão investindo na venda das máscaras.

Lojas como Renner e Amaro, por exemplo, disponibilizam em seus sites diversos modelos de máscaras para venda.

Neste mês, a marca de roupas e acessórios inglesa, Burberry divulgou o lançamento da sua coleção de máscaras, a partir de excedentes de tecido, disponível na estampa xadrez bege característica da marca. Ela é a primeira grife a criar uma coleção de protetores faciais. 

Confesso que sou uma dessas pessoas que antes de sair de casa para o trabalho, ou quando preciso ir a algum lugar essencial, penso se a máscara está me representando naquele dia e se combina com a roupa que escolhi.

Vejo que é importante, mesmo que seja por meio das máscaras, trazer alegria e leveza para encarar este momento que todos estamos enfrentando. 

Duda Gazzetta

Blog mantido por Duda Gazzetta, jornalista formada pela PUC-Campinas. Apaixonada por moda, ela ama conversar e escrever sobre o assunto!