27 de fevereiro de 2021 Atualizado 20:39

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Estúdio 52

Que bruxaria é essa, WandaVision?

Personagem que parecia irrelevante promete ser a chave de todo o mistério; e atenção: sétimo episódio tem cena pós-créditos

Por Rodrigo Alonso

19 fev 2021 às 14:09

Afinal, Wanda Maximoff (Elizabeth Olsen) é a vilã ou a mocinha de WandaVision? O sétimo episódio da série, disponibilizado nesta sexta-feira (19) pela Disney+, abre caminho para que essa dúvida seja esclarecida de uma vez por todas.

Mas, para quem for assistir ao capítulo esperando respostas, é melhor se preparar para o contrário. Novos mistérios foram introduzidos. E uma personagem que, até então, parecia irrelevante promete ser a chave disso tudo.

Já de cara, saiba também que esse episódio tem um ritmo mais cadenciado em comparação aos dois anteriores. Mesmo assim, não deixa de ser bom. E atenção: pela primeira vez temos cena pós-créditos – a partir daqui, cuidado com spoilers.

Capítulo sugere que Wanda Maximoff é apenas mais uma vítima da história – Foto: Divulgação / Disney

Para quem ficou incomodado com a ideia de Wanda ser uma louca/sequestradora/potencial homicida, aqui vai uma boa notícia: tudo indica que ela é mais uma vítima da história.

Esse último episódio mostra que a nossa Feiticeira Escarlate está sendo controlada por Agnes (Kathryn Hahn). Sim, aquela vizinha que aparentava ser boa-praça!

Se você estiver se perguntando “mas que bruxaria é essa?”, a resposta está na sua frente. Agnes, na verdade, é uma bruxa chamada Agatha Harkness. E ela se apresenta como a pessoa responsável por todas as maldades presenciadas na série.

Agnes, a vizinha boa-praça, era um disfarce da bruxa Agatha Harkness – Foto: Divulgação / Disney

Nos quadrinhos, é Agatha quem revela a Wanda que seus filhos, Billy e Tommy, são fragmentos da alma do demônio Mefisto, que sequestra as crianças e reabsorve sua energia.

Os gêmeos, inclusive, desaparecem no final do episódio. Será que eles já foram pegos por Mefisto? Vale lembrar, no entanto, que o vilão ainda não mostrou a cara na série, mas isso deve acontecer em breve.

Mercúrio ‘fake’
Aparentemente, também está encerrado o mistério por trás do suposto Pietro Maximoff, que apareceu no quinto episódio, no corpo do ator Evan Peters, da saga X-Men. O verdadeiro Pietro, conhecido como Mercúrio, era interpretado por Aaron Taylor-Johnson e morreu em “Vingadores: Era de Ultron”.

Ficou subtendido que escalação de Evan Peters foi só para confundir os fãs – Foto: Divulgação / Disney

Conforme pudemos ver nesse último capítulo, a “reaparição” do super-herói foi obra de Agatha, que tinha controle sobre ele. Ficou subentendido que a escalação de Peters para o papel só visava mesmo confundir a cabeça dos fãs.

Então, não devemos presenciar um vínculo entre o MCU (Universo Cinematográfico da Marvel) e a saga X-Men, pelo menos não por meio desse personagem.

Rodrigo Alonso

Repórter do LIBERAL, está no grupo desde 2017. É “fifeiro” desde criança e, se puder, passa horas falando de filme e série, então nada melhor do que unir o útil ao agradável.

Estúdio 52

Quer saber sobre aquela série que está bombando na internet? Sim, temos. Ou aquele jogo que a loja do seu console vai disponibilizar de graça? Ok. Curte o trivial e precisa dos lançamentos do cinema? Sem problema, é só chegar.