29 de outubro de 2020 Atualizado 22:19

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Editorial

Estágio mantido

Por Da Redação

11 jun 2020 às 11:38

Era pouco esperado que a região de Campinas avançasse para uma nova fase diante do aumento de casos nos principais municípios que a compõem. Conforme anúncio do governador João Doria nesta quarta-feira, as cidades continuam na chamada fase laranja, que permite a reabertura restrita de comércios e escritórios, mas impede que bares, restaurantes e academia voltem a funcionar.

Esta etapa do chamado Plano São Paulo é considerada de controle e antecede outras duas, mais flexíveis. Por enquanto, atividades não essenciais, por exemplo, podem trabalhar em esquema reduzido de atendimento de clientes e com medidas sanitárias que evitem a contaminação pelo vírus.

No Estado, a maioria dos municípios permaneceu na fase em que está, mas regiões como as de Ribeirão Preto, Barretos e Presidente Prudente regrediram na flexibilização e voltaram para a fase um, de alerta máximo, em que apenas atividades consideradas essenciais estão autorizadas a funcionar.

A medida mostra a disposição do governo estadual em frear a retomada em cidades que não atendem aos critérios que as coloquem como mais seguras em relação à proliferação do novo coronavírus.

Em Americana e região, a evolução na quantidade de mortes e casos confirmados ainda não deu sinais de arrefecimento. Nesta quarta-feira, por exemplo, a cidade confirmou mais três mortes pelo novo coronavírus e agora soma 12.

Na RPT, Sumaré e Hortolândia lideram o número de óbitos, com confirmações quase diárias de vítimas. Em Santa Bárbara, o principal hospital da cidade está cheio.

O avanço para novas fases menos restritivas, portanto, continua a depender do comportamento da população e também do trabalho do poder público em orientar e fiscalizar o que decretos e planos preveem, além da transparência quanto à situação do município. O isolamento social, esquecido por grande parte dos cidadãos, permanece fundamental para conter o vírus.

O Liberal

Neste blog você encontra a opinião do Grupo Liberal de Comunicação, por meio dos textos editoriais publicados na edição impressa.