25 de janeiro de 2021 Atualizado 20:37

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Editorial

Atenção ao mosquito

Por Redação

24 nov 2020 às 08:15

Ainda que a preocupação do momento seja devidamente relacionada à pandemia do novo coronavírus (Covid-19), uma outra ameaça não há de ser esquecida nas cidades da RPT (Região do Polo Têxtil). A dengue, que provocou epidemias por aqui nos últimos anos, tem o início de sua temporada de casos nos próximos meses, com o aumento da temperatura e da frequência das chuvas.

Americana vem de dois anos totalmente opostos quanto ao registro de infectados pela doença. Enquanto em 2019 a cidade teve a terceira pior epidemia de sua história, com 4,5 mil casos, neste ano, felizmente, o município viu a doença retrair, contabilizando menos de 600 casos.

Enquanto a pandemia perdura, é preciso se preparar para o cenário dos próximos meses. Historicamente, as infecções da dengue costumam se concentrar nos primeiros seis meses do ano. As epidemias, por sua vez, surgem, por exemplo, quando há um descuido da população e do próprio poder público quanto à doença. Anos em que os números são baixos costumam fazer com que o problema, sazonal, seja deixado de lado. Com isso, baixa-se a prevenção ao mosquito, que cobra caro na temporada seguinte.

A missão, portanto, é importante. Não se deve cogitar arrefecer o combate ao mosquito. Em tempos de pandemia, a atuação das autoridades de saúde tem sido limitada, principalmente por conta da necessidade de isolamento e distanciamento social. As visitas de agentes casa a casa, por exemplo, em busca de criadouros, se tornaram um problema diante do cenário provocado pelo coronavírus.

Mas cabe à população a função de se vigiar. É essencial que o trabalho de prevenção comece dentro de casa, com medidas que evitem os criadouros. Com a chegada dos dias mais quentes e úmidos, toda a atenção é necessária para que uma nova crise de saúde não volte a atingir a comunidade.

O Liberal

Neste blog você encontra a opinião do Grupo Liberal de Comunicação, por meio dos textos editoriais publicados na edição impressa.