16 de julho de 2024 Atualizado 08:50

Notícias em Americana e região

8 de Agosto de 2019 Grupo Liberal Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Artigos de leitores

Alfabetização e novas tecnologias

Por Samira Andrade da Silva

30 de setembro de 2023, às 07h53 • Última atualização em 30 de setembro de 2023, às 07h54

A revolução tecnológica do século 21 trouxe mudanças profundas para diversas áreas da sociedade, incluindo a educação. No contexto da alfabetização, as novas tecnologias desempenham um papel fundamental na abordagem pedagógica, oferecendo oportunidades inovadoras para alunos e professores. A BNCC (Base Nacional Comum Curricular) confirma a importância dessa integração, proporcionando o desenvolvimento de habilidades que envolvam a interação com diferentes mídias.

Com essa interação, os estudantes podem explorar diferentes formas de expressão, desenvolvendo habilidades criativas essenciais para a alfabetização contemporânea.

Além disso, a competência da BNCC que trata da compreensão do funcionamento dos computadores e de como eles executam comandos é de fundamental importância. Nesse sentido, os alunos não apenas se tornam consumidores passivos da tecnologia, como também compreendem o funcionamento por trás das ferramentas.

A integração das novas tecnologias na alfabetização beneficia os alunos e coloca desafios aos professores. A falta de acesso adequado à infraestrutura tecnológica e a deficiência de treinamento são algumas das dificuldades enfrentadas pelos educadores. Muitos professores se esforçam para acompanhar o ritmo acelerado das mudanças tecnológicas e, ao mesmo tempo, adaptar suas práticas pedagógicas.

Um exemplo inspirador é a experiência do Instituto Canção Nova. Nesse cenário, os professores conduzem aulas teóricas seguidas de atividades práticas. Essa abordagem, do conhecimento teórico à aplicação prática, promove a compreensão de conceitos complexos por meio da resolução de problemas tangíveis. 

Samira Andrade da Silva
Missionária da Canção Nova

Colaboração

Artigos de opinião enviados pelos leitores do LIBERAL. Para colaborar, envie os textos para o e-mail opiniao@liberal.com.br.