10 de julho de 2020 Atualizado 22:37

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Covid-19

WhatsApp para dúvidas de coronavírus realizou mais de 5 mil atendimentos

Prefeitura de Sumaré disponibilizou contatos para que população tire dúvidas sobre doença; veja as perguntas mais frequentes e as respostas

Por Marina Zanaki

21 mar 2020 às 16:23

Os três números de WhatsApp que a Prefeitura de Sumaré disponibilizou para que a população tire dúvidas sobre o novo coronavírus (Covid-19) receberam 5.622 contatos desde segunda-feira, quando foram ativados. Segundo nota divulgada pela prefeitura, o volume tem sido ainda mais alto neste sábado (21), e o governo pediu “paciência” à população, garantindo que todas as perguntas serão respondidas.

O canal funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana. As respostas estão sendo elaboradas por profissionais capacitados. Os contatos também estão sendo usados para prestar um primeiro atendimento a quem apresentar sintoma.

Foto: Divulgação
O canal funciona 24 horas por dia, todos os dias da semana

Segundo o último balanço divulgado pela prefeitura, Sumaré tem 61 casos suspeitos e nenhum confirmado. Os pacientes passam bem e aguardam o resultado dos exames.

Hortolândia confirmou o primeiro caso da doença na sexta-feira (20). Campinas já teve quatro casos comprovados laboratorialmente e informou que está registrando transmissão comunitária – quando alguém se infecta sem ter histórico de viagem ou contato com alguém que sabe estar sob suspeita da doença.

Veja as principais perguntas enviadas ao aplicativo de Sumaré e as respostas dadas por profissionais da saúde:

  • Nesta pandemia de coronavírus quando devo procurar a Unidade de Saúde? Caso apresente sintomas como febre, coriza e tosse a orientação é para que procure a UBS (Unidade Básica de Saúde) mais próxima de sua residência. Já se tiver com coriza, febre, tosse e falta de ar é importante ir direto as unidades de Pronto Atendimento (PA Nações, CIS Nova Veneza, PA Maria Antônia e as UPAs Macarenko e Matão).
  • Quais são os sintomas respiratórios associados ao coronavírus? Tosse, produção de escarro, congestão nasal, coriza e dificuldade para respirar são os sintomas mais comuns da doença.
  • Qual o risco do vírus covid 19 em gestantes? De maneira geral, mulheres grávidas não aparentam ser mais suscetíveis às consequências do coronavírus que o resto da população. Além disso, diz o informe que ainda não há evidências de que a doença possa aumentar as chances de aborto ou de partos prematuros. Mas apresentando os sintomas ou tendo contato com suspeitos, é fundamental procurar a unidade de saúde.
  • Fechar as escolas é uma medida correta? Sim, por mais que não seja uma medida simples, fechar as escolas é uma maneira para diminuir a transmissão de qualquer doença respiratória. As crianças e adolescentes geralmente não apresentam sintomas, mas ainda podem transmitir a doença. Além disso, essa medida pode ter impactos secundários, como reduzir a quantidade de pessoas em trânsito nas cidades, o que também contribui para um controle maior da doença.
  • Tive contato com uma pessoa com coronavírus: o que devo fazer? O ideal é ficar isolado ou, no mínimo, evitar contato com outras pessoas, em especial idosos, por 15 dias. Se nesse período aparecerem sintomas como febre, dor de garganta, coriza e dor no corpo, use máscara e procure uma unidade de Saúde.
  • Além dos idosos, pessoas com doenças crônicas (Diabetes, Hipertensão, Asma, Problemas Cardíacos, Insuficiência Renal) também estão no grupo de risco? As pessoas que têm imunodeficiência não conseguem montar uma resposta inicial contra esses agentes invasores. Desta forma, estão suscetíveis a doenças mais agressivas. É importante manter o isolamento social.
  • Quem cuida ou convive com pessoas do grupo de risco pode contrair o coronavírus? Precisa prestar bastante atenção a pequenas atitudes do dia a dia, além de lavar bem as mãos. Manter uma distância razoável pra que quando a pessoa fale, não esteja disseminando gotículas da saliva. Não compartilhar em casa objetos como toalhas de rosto, copo, garfo e faca, são passos importantes na prevenção da doença.
  • Os locais públicos serão fechados? Recomenda-se que bares, restaurantes, academias, shopping e similares mantenham distância mínima de dois metros entre as mesas ou suspendam os serviços. A recomendação é que saiam de casa em extrema necessidade.
  • Eventos particulares devem ser cancelados? É importante ter o bom senso de ambas as partes (contratante e contratado) e entrarem no consenso para adiar os eventos nesse momento. De acordo com o decreto municipal eventos acima de 500 pessoas e atividades coletivas estão suspensas.
  • Onde posso ver os casos suspeitos e confirmados em nossa cidade? A Prefeitura de Sumaré disponibiliza boletins diários no site (www.sumare.sp.gov.br) e nas redes sociais (Facebook e Instagram).