09 de julho de 2020 Atualizado 13:54

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Covid-19

Sumaré confirma mais sete mortes por coronavírus

Esse é o número recorde de mortes informadas em um único boletim na cidade; seis das mortes ocorreram de sexta-feira para cá

Por Marina Zanaki

29 jun 2020 às 17:48

A Prefeitura de Sumaré confirmou sete mortes provocadas pelo novo coronavírus (Covid-19).

Esse é o maior número de mortes informadas em um único boletim. Até então, o número máximo de mortes havia sido quatro, na segunda-feira passada (22).

A cidade tem agora 43 vítimas fatais da doença e é o município da região com maior mortalidade pela Covid-19.

Das sete mortes informadas nesta segunda-feira (29), seis ocorreram nos últimos quatro dias. Na sexta-feira (26), uma mulher de 69 anos, que tinha comorbidade, morreu no Hospital Estadual Sumaré.

No sábado (27), foram três vítimas – uma mulher de 65 anos, com comorbidade, que morreu na UPA Macarenko; uma outra de 58 anos, que também estava na mesma UPA; e um homem de 53 anos, com comorbidade, no Hospital Estadual Sumaré.

No domingo (28), duas pessoas morreram. Os pacientes eram uma mulher de 75 anos, com comorbidade, que também estava no Hospital Estadual, e um homem de 34 anos, internado na UPA Macarenko.

Um homem de 76 anos, que estava internado no Hospital de Paulínia, morreu no dia 20 de junho.

Foram 25 novos casos positivos confirmados. Sumaré tem 684 casos de coronavírus, dos quais 570 são pacientes curados, 37 cumprem isolamento domiciliar e 34 estão internados, além dos 43 que morreram.

A cidade investiga outras seis mortes suspeitas. Há 47 moradores do município internados, aguardando resultado de exame.

Veja abaixo a distribuição dos casos positivos pelos bairros de Sumaré:

Relação de casosde coronavírus e bairros afetados em Sumaré – Foto: Prefeitura de Sumaré / Divulgação