Poeira e bichos causam reclamações no Jardim Picerno

Moradora diz sofrer com o constante aparecimento de baratas e outros animais peçonhentos


Uma moradora de um condomínio ao lado da Administração Regional do Jardim Picerno – AR6, no bairro de mesmo nome em Sumaré, está reclamando da quantidade de bichos e poeira que vem do local, além do descarte de entulho de parte do município. Ela diz sofrer com o constante aparecimento de baratas e outros animais peçonhentos, mas o que mais a incomoda é a quantidade de poeira que as máquinas do local levantam.

Foto: Reprodução
Administração Regional tem sujeira e poeira, que prejudica os moradores

“A parede deles está na divisa da minha casa e a poeira entra tudo. Tenho que limpar todos os dias. Uma vez jogaram água para ver se o pó sumia, mas acertaram todo o nosso quintal. Aí virou uma lama. Imagina se eu tivesse roupa no varal?”, questionou a mulher.

Ela diz ainda que os vizinhos também estão insatisfeitos com a condição do local e que, após alguns anos morando lá, a filha dela tem rinite alérgica em função da grande quantidade de poeira.

A Prefeitura de Sumaré foi questionada sobre o problema, mas não se manifestou até o fechamento desta edição quanto às providências.

LIBERAL NAS RUAS: Viu algo de errado no seu bairro? Um buraco na rua, um vazamento ou uma obra parada? Escreva para redacao@liberal.com.br ou envie mensagem para o WhatsApp do LIBERAL, no (19) 99271-2364, clicando aqui.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora