19 de setembro de 2021 Atualizado 21:25

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Sumaré 153 anos

O que os moradores pensam de Sumaré, que chega aos 153 anos nesta segunda

LIBERAL foi às ruas ouvir relatos da população sobre o que consideram bom no município e o que ainda precisa melhorar

Por Maria Eduarda Gazzetta

26 jul 2021 às 10:46

Na semana que antecedeu o aniversário de 153 anos de Sumaré, celebrado nesta segunda-feira (26), o LIBERAL foi às ruas da cidade descobrir o que pensam as pessoas que vivem ou trabalham no município. Pelos relatos, há cobranças, como a necessidade de mais opções de lazer, e elogios.

“Eu gosto muito da cidade. Acredito que o que falta é melhorar a sinalização e o trânsito aqui da área central”
Elisa Batista, 34 anos, gerente de loja de roupas, que trabalha em Sumaré

“Gosto das praças aqui no Centro, mas o asfalto dos bairros precisa melhorar. Vemos tantas cidades ao lado que se desenvolveram e aqui ainda não vemos isso”
Michael de Sena, 29, calheiro, morador do Jardim Dulce

“Sumaré é bem tranquila, tem bastante entretenimento no Centro, gosto bastante de frequentar. Espero uma melhoria muito grande, principalmente na parte das crianças”
Adrian Henrique, 20 anos, ajudante de produção, morador do Parque das Nações

“Sumaré está atrasada em comércio e saúde, conforme outras cidades aqui ao lado. O bairro onde moro é tranquilo e gosto muito dessa região”
Camila Zanardo, 19 anos, atendente de balcão e técnica de manutenção em celulares, moradora do Jardim Denadai

“A cidade está parada, tudo o que foi feito há 20 anos continua do mesmo jeito. É preciso trazer mais entretenimento para a população”
Jonas Albano de Almeida, 54 anos, comerciante, morador do Parque Bandeirantes

“Sumaré, principalmente o Matão, é um lugar muito fácil de encontrar o que precisamos, temos muita facilidade. Acredito que precisamos de melhorias no asfalto e em acessibilidade nas ruas”
Lilian Mendes Soares, 47 anos, atendente de farmácia, moradora do Matão

“A cidade é super tranquila, gosto bastante, mas precisamos de mais investimentos em saúde e segurança. Sugiro até uma ponte de fácil acesso ao bairro Matão, sentido Campinas-Sumaré”
Leidielma de Lima, 28 anos, proprietária de loja, moradora do Jardim Maria Antonia

“Sumaré é uma cidade promissora. Acredito que precisa ter um cuidado maior com os bairros e ouvir mais a população, principalmente dos bairros mais afastados do Centro”
Luciana Santos, 45 anos, proprietária de papelaria, ex-moradora do Matão

“O que espero é que seja investido no lazer da cidade, por exemplo, colocar pedalinhos na lagoa do Marcelo Pedroni. Aquela represa é tão linda e temos que aproveitar para levar a família e crianças”
Djalma Oliveira Dias, 50 anos, aposentado, morador do Centro

“A administração precisa investir em educação e no transporte da cidade. Isso é o que mais precisamos neste momento”
Robinson José da Silva, 54 anos, caricaturista, morador do Maria Antonia

Publicidade