09 de maio de 2021 Atualizado 16:37

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Sumaré

Motoristas de caminhões são roubados e feitos reféns em Sumaré

Vítimas dormiam no interior dos veículos quando foram abordadas por seis assaltantes armados

Por Paula Nacasaki

23 abr 2021 às 14:32 • Última atualização 23 abr 2021 às 14:38

Dois caminhoneiros foram feitos reféns durante a madrugada desta sexta-feira (23) no Matão, em Sumaré, após terem seus veículos roubados. Segundo relatos das vítimas à PM (Polícia Militar), seis assaltantes armados os abordaram.

Em entrevista ao LIBERAL, o cabo da PM Marcelo Moya relatou que os dois motoristas, um em cada caminhão, dormiam no interior dos veículos em frente a uma empresa no Matão. Eles fariam um carregamento de carga no período da manhã.

Por volta das 2h, os motoristas foram surpreendidos por seis homens armados. Três assaltantes abordaram um dos caminhões, enquanto o outro trio se dirigiu ao outro veículo. Eles quebraram os vidros, renderam os dois funcionários, desconectaram as carretas, que estavam carregadas com papel, e fugiram apenas com as cabines dos caminhões.

Os dois motoristas foram levados a um canavial e feitos reféns pela madrugada. Três ladrões ficaram os vigiando.

Durante a manhã, os motoristas foram liberados e conseguiram acionar a PM. Apesar das constantes ameaças, as vítimas não sofreram nenhuma agressão física e não precisaram de atendimento médico.

Momentos depois de procurarem a PM, por volta das 6h, uma das cabines foi localizada abandonada na Rodovia Dom Pedro I, na altura do km 137 em Campinas, no sentido Valinhos.

Uma Frontier também foi abandonada na mesma rodovia, a 500 metros da cabine. A caminhonete tinha placas adulteradas e no interior estava um aparelho bloqueador de sinal de celular. A suspeita é que esse veículo também tenha sido utilizado no roubo. Essa hipótese será investigada.

O caso estava sendo apresentado no 4° DP (Distrito Policial) de Campinas até a publicação desta reportagem. A PM continuava as buscas pelos seis assaltantes e também pela segunda cabine, que ainda não tinha sido localizada.

Publicidade