05 de junho de 2020 Atualizado 22:27

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Sumaré

Guarda Municipal impede aglomeração de pessoas no Matão

Portas de agências bancárias e lotéricas ficaram lotadas devido à liberação do cadastramento para o auxílio emergencial do Governo Federal

Por Isabella Holouka

08 abr 2020 às 17:46 • Última atualização 08 abr 2020 às 20:32

A Guarda Municipal de Sumaré realizou uma operação especial na manhã desta quarta-feira (8), na Região do Matão, para evitar a aglomeração de pessoas em meio à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). As portas de agências bancárias e lotéricas ficaram lotadas devido à liberação do cadastramento para o auxílio emergencial do governo federal.

Os agentes de segurança da Prefeitura de Sumaré organizaram as filas, exigindo um distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas e reforçando a importância de a população seguir as recomendações de isolamento social para frear a disseminação do vírus.

Foto: Prefeitura de Sumaré - Divulgação
Fila foi organizada com distanciamento mínimo de dois metros entre cada pessoa

A ação contou com o apoio da Vigilância Sanitária e da Defesa Civil, com a circulação de carro de som com orientações à população sobre a importância de sair de suas residências apenas em casos de extrema necessidade.

“As projeções matemáticas demonstram que a disseminação do vírus é menor com o distanciamento social. É necessário que cada um faça a sua parte com o intuito de diminuir a propagação do vírus e sigam as recomendações de higienização como forma de prevenção”, recomendou o prefeito Luiz Dalben em nota.

Além da capa

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, o Ministério Público do Trabalho da 15ª Região, que atende 599 municípios do interior de São Paulo, incluindo a RPT (Região do Polo Têxtil), já recebeu 490 denúncias de irregularidades trabalhistas relativas à Covid-19. O Além da Capa aborda o assunto nesta quarta-feira.

{{1}}