27 de outubro de 2020 Atualizado 14:44

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Orçamento

Câmara de Sumaré começa a votar a LDO 2021 hoje

Orçamento previsto para o próximo ano na cidade é de R$ 890 milhões

Por Leonardo Oliveira

16 jun 2020 às 08:35 • Última atualização 16 jun 2020 às 09:08

A Câmara de Sumaré realiza, nesta terça-feira (16), a primeira votação da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias), que define as metas e prioridades de gastos do município para 2021. Um orçamento de R$ 890 milhões é previsto para o próximo exercício.

A votação será transmitida no canal do poder legislativo no youtube, já que as sessões estão fechadas ao público. O Projeto de Lei precisa ser aprovado pelos vereadores em dois turnos, com um intervalo mínimo de uma sessão.

No dia 14 de maio, a câmara apresentou a LDO por meio de audiência pública virtual transmitida ao vivo. A população participou através de e-mail.

A LDO é um pré-orçamento em que o Poder Executivo demonstra, todos os anos, as metas e prioridades da Administração, as políticas tributária e de pessoal, metas de estoque de dívida, resultado primário, critérios para limitação de gastos, distribuição de subvenção, entre outros tópicos.

É ela que norteia os gastos da cidade para o próximo ano. A LOM (Lei Orgânica do Município), uma espécie de Constituição municipal, proíbe, por exemplo, o início de atividades, projetos ou programas não incluídos na Lei Orçamentária.

Podcast Além da Capa
A pandemia do novo coronavírus completa três meses com a certeza de representar o maior desafio da carreira de gestores públicos em saúde, como é o caso dos secretários que atuam em cidades da região. Nesse episódio, o editor Bruno Moreira conversa com os responsáveis pelas pastas em Americana, Santa Bárbara e Nova Odessa sobre a experiência forjada pela crise.

Publicidade