12 de maio de 2021 Atualizado 23:45

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Santa Bárbara

Santa Casa de SB encontra dificuldade para comprar remédios do kit intubação

Com alta demanda pelos remédios em todo o País, mantenedora do Hospital Santa Bárbara encontra dificuldade na reposição

Por Heitor Carvalho

16 abr 2021 às 07:46 • Última atualização 16 abr 2021 às 10:42

A diretoria da Santa Casa de Misericórdia de Santa Bárbara d’Oeste, mantenedora do Hospital Santa Bárbara, relatou que, assim como outros hospitais da região, tem encontrado dificuldades para conseguir a entrega de sedativos para intubação de pacientes infectados com o novo coronavírus (Covid-19).

Presidente da entidade, Aparecido Donizete Leite diz que situação não afetou os pacientes – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

“A situação hoje é generalizada. Todos os problemas que os hospitais da região têm, nós também estamos tendo, que é a reposição desses insumos (para sedação). Nós temos o pedido feito. Você precisa de um sedativo e de um bloqueador”, afirmou Aparecido Donizete Leite, presidente da entidade.

O LIBERAL no seu e-mail: se inscreva na nossa newsletter

De acordo com Aparecido, que recebeu o LIBERAL nesta quinta, a situação, no entanto, ainda não afetou nenhum dos pacientes internados no hospital porque há insumos até o final desse mês.

“A gente está tendo problema com esse tipo de medicamento, mas na reposição dos nossos estoques. Isso ainda não afetou os pacientes. Nós temos bloqueadores e sedativos comprados com a promessa de que uma nova entrega seja feita no máximo até o dia 30. Até nós termos uma certa ‘tranquilidade’”, explicou.

Segundo a presidência da Santa Casa, o problema, no entanto, não é uma questão financeira. A Santa Casa chegou a fazer um pedido de sedativos no valor de R$ 80 mil, mas recebeu o equivalente a cerca de R$ 30 mil do fornecedor. A falta é dos insumos em si, sendo assim não importa a quantidade de dinheiro envolvida na negociação.

Publicidade