26 de fevereiro de 2021 Atualizado 17:49

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Imunização

Santa Bárbara d’Oeste terá seis pontos de vacinação contra Covid-19

Prefeitura divulga plano e diz que iniciará vacinação “assim que as doses forem recebidas”

Por André Rossi

18 jan 2021 às 18:46 • Última atualização 19 jan 2021 às 10:21

A Prefeitura de Santa Bárbara d’Oeste divulgou nesta segunda-feira (18) o plano de vacinação contra o novo coronavírus (Covid-19). Ao todo, seis UBSs (Unidades Básicas de Saúde) serão utilizadas para a campanha. A vacinação terá início “assim que as doses forem recebidas”, segundo a prefeitura.

Profissionais de Saúde serão os primeiros vacinados na cidade. A prioridade é dos trabalhadores que atuam na linha de frente do combate à pandemia no Hospital Santa Bárbara, Hospital de Campanha e demais estruturas da rede municipal de saúde.

“Após os profissionais de Saúde, a população idosa receberá as doses da vacina – em esquemas de vacinação que serão divulgados pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria de Estado da Saúde”, informou a prefeitura.

A estimativa inicial era imunizar 22.976 pessoas na primeira fase da campanha, dos quais 19.557 são idosos e 3.419 profissionais da Saúde. No entanto, ainda não há informações sobre quantas doses da vacina serão disponibilizadas para cada cidade em um primeiro momento.

Os profissionais que atuam na rede municipal de Saúde serão vacinados em seus locais de trabalho. Já os profissionais da rede particulares e os demais públicos da campanha serão vacinados em seis UBSs de segunda a sexta-feira. Confira os horários:

Das 7h30 às 16h30

– UBS do Mollon
Rua do Cobre, 850, Mollon

– UBS do Laudissi e Romano
Rua Profeta Jeremias, 140 – Jardim Laudissi

– UBS Regional Zona Sul
Rua José Calixto, 100, Santa Rita

– UBS da Vila Grego e Residencial Furlan
Rua Arthur Amaral, 30, Vila Grego

Das 7h30 às 19 horas

– UBS da Cidade Nova
Rua do Algodão, 1.441, Cidade Nova

– UBS do Jardim Europa
Rua Portugal, 522, Jardim Europa;

A vacinação dos idosos que estejam em Instituições de Longa Permanência, como asilos e casas de repouso, será realizada diretamente nos locais pelos profissionais da Vigilância Epidemiológica – mediante envio e disponibilidade de doses de vacina.

Distribuição
Teve início nesta segunda-feira o envio de doses da vacina do Butantan para imunização contra Covid-19 nos hospitais-escola regionais, no interior, para priorização dos profissionais de saúde. Além do HC da Unicamp, são eles: Hospitais das Clínicas de Botucatu, Marília, Ribeirão Preto e Hospital de Base de São José do Rio Preto.

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde, grades de vacina e insumos serão enviados a polos regionais para redistribuição às prefeituras a partir desta terça-feira (19). Ainda não há um cronograma divulgado sobre quantas doses as cidades da RPT (Região do Polo Têxtil) receberam neste primeiro momento.

Publicidade