17 de setembro de 2021 Atualizado 09:32

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

CORONAVÍRUS

Santa Bárbara começa a vacinar pessoas de 30 e 31 anos nesta terça-feira

Município começou a imunizar 32 e 33 anos nesta segunda-feira; remessa com quase 12 mil vacinas chegou na sexta-feira

Por Pedro Heiderich

19 jul 2021 às 15:54

Uma remessa com quase 12 mil vacinas chegou à cidade na última sexta-feira (16) - Foto: Prefeitura de Santa Bárbara / Divulgação

Santa Bárbara d’Oeste começa a vacinar contra o coronavírus (Covid-19) pessoas de 30 e 31 anos, nesta terça-feira (20).

O município iniciou nesta segunda-feira (19) a imunização dos 32 e 33 anos. Uma remessa com quase 12 mil vacinas chegou à cidade na última sexta-feira (16).

Santa Bárbara antecipou a vacinação de 34, 35 e 36 anos, mas após falta de doses, teve que suspender a imunização dos 34 a 39 anos, que foi retomada três dias depois.

Sem a necessidade de agendamento, o público deverá apresentar o CPF e comprovante de endereço em seu nome.

A vacinação ocorre das 9h às 17 , nos ginásios municipais Djaniro Pedroso (Centro), e Mirzinho Daniel (Jardim São Francisco), e na Casa de Maria (Jardim das Laranjeiras).

Além da nova faixa etária (32 e 33), teve início nesta segunda uma mudança na campanha municipal. A aplicação da segunda dose passou a ser realizada nos locais citados acima, deixando de ocorrer nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde).

Segundo a prefeitura, a reorganização do fluxo permitirá o retorno das vacinações de rotina a partir desta terça-feira (20) para todas as UBSs do Município que possuem sala de vacina.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Para agilizar o processo de identificação e vacinação, é recomendado o pré-cadastro no site Vacina Já, do Governo do Estado de São Paulo, a todos os públicos que vêm sendo inseridos no calendário de imunização.

A imunização em Santa Bárbara segue para outros públicos inseridos na campanha: pessoas com 32 anos ou mais; grávidas e puérperas, pessoas com comorbidades, com deficiência permanente, com Síndrome de Down, profissionais da Educação e profissionais da Saúde, todos com 18 anos ou mais; e idosos com 60 anos ou mais.

Para alguns grupos prioritários, além do CPF e comprovante de endereço no nome, também é necessário apresentar outros documentos comprobatórios.

O Plano de Vacinação no Município é desenvolvido com cronograma de prioridades, seguindo diretrizes do Ministério da Saúde e da Secretaria de Estado da Saúde e mediante envio e disponibilidade de doses.

Em caso de dúvidas sobre a vacinação contra a Covid-19 no Município, a pessoa pode entrar em contato, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, pelo telefone 3455-1654. Na sexta, Santa Bárbara recebeu 11.940 doses da vacina.

Publicidade