Mulher acusa vizinho de matar seu cachorro em Santa Bárbara

Suspeita é de que o cão tenha sido baleado na manhã desta quarta-feira; homem teria dito para a dona do animal que jogou uma pedra


Foto: Marcelo Rocha / O Liberal
Até a publicação desta matéria, o caso ainda estava sendo apresentado no 1º Distrito Policial da cidade

A morte de um cachorro no bairro Cruzeiro do Sul, em Santa Bárbara d’Oeste, na manhã desta quarta-feira (17), terminou na delegacia. A dona do animal acusa o vizinho pelo crime e suspeita que tenha sido cometido com o disparo de uma arma de fogo, enquanto o homem teria dito que apenas jogou uma pedra.

O caso ocorreu na Rua Dr. Luís Gonçalves, próximo a uma igreja evangélica. De acordo com a proprietária do cão, uma doméstica de 56 anos que pediu para não ser identificada, o vizinho dela, um senhor de idade, cometeu o crime.

“A cadela dele está no cio e ele (cachorro) ficou na frente da chácara cheirando. Meu marido estava carregando a caminhonete e escutou tipo uma bomba. Aí meu cachorro já desceu ensanguentado, cambaleando. Ele (vizinho) falou que jogou uma pedra, e que não foi tiro. Só sei que ele matou meu cachorro”, afirmou a mulher.

O laudo necroscópico para confirmar a causa da morte deve ficar pronto em até 10 dias, segundo a doméstica, que disse ainda que o homem pediu perdão para ela depois do ocorrido. O cachorro tinha cinco anos de idade.

Até a publicação desta matéria, o caso ainda estava sendo apresentado no 1º DP (Distrito Policial) de Santa Bárbara d’Oeste.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora