03 de agosto de 2020 Atualizado 22:15

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Santa Bárbara

Homem morre em confronto com a PM no Jardim São Francisco

Mulher de 22 anos também foi baleada; o filho do casal, de 2 anos, estava no carro, onde havia entorpecentes e um revólver

Por Isabella Holouka

11 jul 2020 às 14:53 • Última atualização 13 jul 2020 às 13:16

Um homem de 24 anos morreu e uma mulher de 22 ficou ferida após uma abordagem da PM (Polícia Militar) que terminou com perseguição e troca de tiros no Jardim São Francisco, em Santa Bárbara d’Oeste, no início da madrugada deste sábado (11). O filho do casal, de apenas 2 anos, estava no carro e não ficou ferido.

Motorista entrou pelo acesso ao Bairro São Francisco pela Estrada Ernesto de Cillos – Foto: Marcelo Rocha – O Liberal.JPG

Segundo consta em boletim de ocorrência, pouco antes da meia noite, uma equipe da PM estava na Rodovia Luiz de Queiroz quando, próximo ao quilômetro 137, iniciou o acompanhamento do carro, um Chevrolet Astra com placas de Americana, que não teria respeitado a ordem de parada.

O motorista entrou pelo acesso ao Bairro São Francisco pela Estrada Ernesto de Cillos e os policiais notaram objetos sendo arremessados para a rua, que posteriormente constatou-se serem três tijolos de maconha.

Ainda segundo o registro policial, já quase no final da rodovia, o homem não conseguiu realizar a curva e acabou capotando o veículo. Depois, ele desceu do carro e disparou na direção de um dos policiais, que revidou. 

Ele fez uma segunda menção de disparar, momento em que os policiais revidaram, utilizando pistolas semi-automáticas calibre 40 e um fuzil de características não informadas, armamento não apresentado no plantão policial.

Cinco tiros acertaram o rapaz e outro disparo acertou a mulher de 22 anos que o acompanhava. O casal foi socorrido por equipes do Corpo de Bombeiros ao Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, em Americana.

O rapaz não resistiu e faleceu. O Hospital Municipal informou nesta segunda-feira (13) que a mulher encontra-se com um projétil alojado em sua coluna vertebral, mas o quadro de saúde “é estável e ela está internada na ala comum”.

Um menino de dois anos, filho do casal, também estava no carro. Ele não ficou ferido e foi entregue a um representante do Conselho Tutelar.

No veículo foram encontrados uma carteira de viagem preta, R$ 357 em dinheiro, cartões bancários, documentos pessoais, livros relacionados à saúde e farmácia, um revólver calibre 38, com quatro cartuchos íntegros e um deflagrado. Além dos três tijolos de maconha, pesando cerca de um quilo cada, que foram encontradas após a perseguição, no carro também havia uma porção de LSD, equivalente a 0,01 grama.

Um inquérito será instaurado, segundo a autoridade policial registrou no boletim de ocorrência, para a apuração das circunstâncias, materialidade e autoria das infrações penais.