06 de agosto de 2020 Atualizado 22:08

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Saúde

Em Santa Bárbara, PS Afonso Ramos terá atendimento pediátrico

Prefeitura assinou nesta semana um contrato de R$ 4,4 milhões para chegada de profissionais para atuar na unidade

Por Leonardo Oliveira

04 jul 2020 às 08:18 • Última atualização 04 jul 2020 às 11:18

O PS (Pronto-Socorro) Afonso Ramos, em Santa Bárbara d’Oeste, vai passar a contar com atendimento pediátrico. A administração firmou nesta semana um contrato de R$ 4,4 milhões para viabilizar a chegada de profissionais para atuar na unidade.

O vínculo com a empresa Vannini & Delatim Serviços Médicos e Nutricionais prevê dois pediatras por plantão. Ao LIBERAL, a prefeitura informou que, “de início”, disponibilizará um profissional por jornada.

Pronto-Socorro Afonso Ramos passa a contar com atendimento pediátrico – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

Os atendimentos começarão após a conclusão da reforma e ampliação do PS. Segundo a administração, as melhorias estão em fase final – não foi dado, porém, um prazo para a entrega da ala onde os pediatras vão ficar.

A empresa contratada para assumir o serviço já fornece profissionais para assistência à crianças e adolescentes ao PS Edison Mano desde outubro de 2019, quando o serviço começou a ser oferecido no local. Lá, atuam dois pediatras por plantão.

PS Afonso Ramos está em obras – Foto: Marcelo Rocha / O Liberal

Agora, o novo contrato, de R$ 4,4 milhões, prevê o fornecimento de pediatras aos dois prontos-socorros pelo período de 12 meses.

“Assim como foi no PS Edison Mano, o serviço de urgência e emergência pediátrico no Afonso Ramos é algo inédito na unidade, um espaço de acolhimento especial que fará toda a diferença no atendimento infantil”, afirmou a secretária de Saúde da cidade, Lucimeire Rocha.

Em virtude da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Santa Bárbara poderá requisitar à empresa, em caso de necessidade, médicos de outras especialidades, como clínico geral e infectologista, por exemplo, para atuar no combate à doença.

Além da Capa
Os eleitores brasileiros ainda não sabem em que data irão às urnas neste ano para escolher novos prefeitos e vereadores. Diante dessa indefinição, como se comportam as campanhas em Americana e região nesse momento? Afinal, considerando a data originalmente prevista (4 de outubro), faltam menos de 100 dias para as eleições. Nesse episódio, o editor Bruno Moreira recebe o repórter André Rossi e editor-executivo e chefe de reportagem do LIBERAL, João Colosalle, para discutir o cenário regional.