11 de agosto de 2020 Atualizado 16:28

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Compartilhe

Caso Emily

‘Ela só sabe que andou vários quilômetros’, diz gerente de posto que encontrou menina desaparecida

Criança de 11 anos foi encontrada em um posto de combustível na Praia Azul e aparentava estar bem fisicamente

Por Leonardo Oliveira

09 jul 2020 às 10:20 • Última atualização 09 jul 2020 às 17:21

O gerente do posto de combustível que encontrou Emily Bello Soares da Silva, criança de 11 anos que estava desaparecida desde o último domingo, afirmou que a menina estava “desorientada” e que disse não se lembrar do que tinha acontecido com ela.

A criança foi encontrada viva na manhã desta quinta-feira (9) em um posto de combustível na Praia Azul, em Americana.

A criança foi encontrada em um posto de combustível na Praia Azul – Foto: Redes Sociais – Reprodução

Em entrevista ao LIBERAL, o gerente Durvalino Pereira Dutra, afirmou que estava trabalhando quando a criança veio em sua direção e perguntou se estava em Santa Bárbara.

“Pela aparência física me pareceu tudo bem, mas ela estava nervosa e desorientada”, afirmou. Durvalino não sabia que se tratava da menina que havia desaparecido dias antes, mas outros funcionários logo perceberam quem era a criança.

Ele afirma que Emily se identificou, dizendo que morava no bairro Cidade Nova, em Santa Bárbara, e pediu para que o gerente chamasse a polícia.

Segundo o gerente, Emily não soube dizer o que havia acontecido com ela. “Muita coisa ela não lembra. A gente perguntou para ter uma ideia. Ela só sabe que ela andou vários quilômetros”, acrescentou.

A viatura da PM (Polícia Militar) chegou ao posto de combustível junto com alguns parentes de Emily.

A criança e os familiares foram levados a um hospital e depois serão ouvidos no 2° DP (Distrito Policial) de Santa Bárbara d’Oeste.

Podcast Além da Capa
Por quais razões a recomendação de manter o isolamento social permanece como a maneira mais difundida no combate ao novo coronavírus, mesmo com mais de 100 dias de quarentena e com a retomada da produção econômica em curso?