Dupla é presa por receptação de peças de carro em SB

Homens foram flagrados por PMs enquanto tentavam vender as peças de um veículo furtado em uma borracharia no Conj. Romano


Dois homens foram presos em flagrante por receptação de peças de um veículo furtado, no início da tarde deste domingo (13), no Conjunto Habitacional Roberto Romano, em Santa Bárbara d’Oeste. Eles foram flagrados por policiais militares enquanto tentavam vender as peças em uma borracharia do bairro.

O veículo, um Ônix de cor branca, pertence a uma locadora de carros na região e havia sido furtado na noite anterior (12), em frente a uma churrascaria em Santa Bárbara. O carro foi abandonado atrás de um posto de combustível, no Jd. Laudissi, na mesma cidade. Testemunhas teriam visto M.A., 46, e M.A.C, 33, retirando peças do veículo e acionaram a polícia.

Foto: PM / Divulgação
Ônix pertence à locadora de carros da região e foi furtado na noite de sábado

A dupla foi avistada pelos PMs enquanto subia a Av. Sebastião de Paula Coelho, no Conj. Romano com as peças, entrando em seguida em uma borracharia. As características físicas dos suspeitos batiam com as informações prestadas por denúncia anônima. Com eles estavam as quatro rodas e pneus do carro, um alicate e uma chave de rodas.

Abordados, os homens confessaram que as peças haviam sido retiradas do Ônix e que outras peças estavam “distribuídas pelas calçadas” em ruas próximas dali. O proprietário da borracharia então disse que ambos tentavam vender as peças, mas que esta não é uma prática do estabelecimento.

Foto: PM / Divulgação
As peças retiradas foram distribuídas pelas calçadas. Eles tentaram vender o material em uma borracharia

M.A. e M.A.C receberam voz de prisão em flagrante por recepção e levados ao plantão policial de Santa Bárbara. Foi arbitrado o pagamento de fiança no valor de R$ 1 mil cada, quantia esta que foi paga pela dupla.

O delegado de plantão, Gelson Barreto, ratificou voz de prisão em flagrante por receptação dolosa e os homens foram encaminhados à Cadeia Pública Carcereiro Pedro Cromo, permanecendo à disposição da justiça. O material foi apreendido.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora