DAE estuda monitoramento ambiental em represas

Intenção da autarquia é verificar condição ambiental de duas represas por meio da quantidade de peixes


O DAE (Departamento de Água e Esgoto) de Santa Bárbara d’Oeste iniciou o levantamento do conjunto de espécies de peixes existentes nas represas Areia Branca e São Luiz. A intenção é monitorar a condição ambiental dos reservatórios e as possíveis alterações no ambiente, com base nos tipos de peixes encontrados.

Foto: Divulgação / Prefeitura de Santa Bárbara
Espécies de peixes serão capturadas quatro vezes ao longo do ano para passarem por análise

A ideia é fazer quatro capturas ao longo do ano, em diferentes estações. A partir disso, será verificada a necessidade de repovoar algumas espécies para atender aos conceitos de densidade e diversidade para o local. Ao mesmo tempo também serão realizadas análises da qualidade de água.

O levantamento das espécies é uma ação já desenvolvida pelas secretarias de Saúde e Meio Ambiente do município, que pretendem avaliar os impactos sofridos pela natureza.

Caso necessário, também devem ser propostos programas e medidas para aplicar possíveis ações para reduzir ou eliminar esses impactos ambientais.

*Estagiária Maíra Torres, sob supervisão de Guilherme Magnin.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora