23 de janeiro de 2022 Atualizado 09:46

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

SANTA BÁRBARA

Câmara de SB convoca audiência para discutir subsídio para transporte público

Data não foi definida; duas semanas após aumentar tarifa, prefeitura quer conceder R$ 120 mil mensais à Sertran

Por Pedro Heiderich

19 ago 2021 às 17:23 • Última atualização 19 ago 2021 às 20:07

A Câmara de Santa Bárbara d’Oeste convocará uma audiência pública para debater projeto de lei da prefeitura que concede subsídio de R$ 600 mil para a Sertran/Nova Via, empresa responsável pelo transporte público no município.

A decisão foi tomada em reunião pela Comissão de Justiça e Redação nesta quinta-feira (19). A data da audiência ainda não foi definida.

Prefeitura aumentou tarifa para R$ 4,85 e quer conceder R$ 600 mil à empresa responsável – Foto: Ernesto Rodrigues/O Liberal

O pedido de autorização da administração municipal para fazer o repasse à empresa foi feito duas semanas após o anúncio de que a tarifa de ônibus em Santa Bárbara subiu de R$ 4,40 para R$ 4,85. É a mais cara da região.

Aberta ao público, a audiência deve contar com representantes da Coordenadoria de Transportes e diferentes secretarias municipais, além da Sertran, empresa responsável pelo transporte público em Santa Bárbara.

Na próxima sessão após a audiência pública, os vereadores votarão o projeto que concede o subsídio, protocolado em regime de urgência pelo Executivo em 13 de agosto.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Na sessão desta terça-feira (17), os vereadores criticaram o pedido de subsídio à Sertran, criticando o serviço do transporte público de Santa Bárbara. A reportagem procurou a Sertran, mas não conseguiu retorno.

No projeto, o prefeito Rafael Piovezan (PV) pede autorização da Câmara para conceder subsídio mensal de R$ 120 mil à Sertran, responsável pelo transporte público, de agosto a dezembro deste ano.

Na exposição de motivos, o chefe do Executivo aponta que a medida visa a assegurar a continuidade dos serviços em compatibilidade com a demanda, uma vez que tarifa técnica apresentada pela comissão tarifária foi de R$ 5,70, enquanto o reajuste foi para R$ 4,85.

A decisão de convocar a audiência teve parecer favorável da procuradoria do Legislativo.

Membros da Comissão durante reunião; vereadores cobram melhorias do transporte público – Foto: Divulgação/Câmara de Santa Bárbara

“Pretendemos ser transparentes e democráticos, para votar com consciência e para que haja conhecimento da população”, afirmou Joi Fornasari (PV), presidente da comissão, que conta ainda com os vereadores Eliel Miranda (PSD) e Júlio César Kifú (PL).

A principal reclamação dos vereadores é de uma garantia ou sinais de melhoria no transporte público de Santa Bárbara caso seja aprovada a concessão do subsídio por parte da prefeitura.

A vizinha Americana é citada como exemplo de cidade que teve concessão de repasse da prefeitura à Sancetur, responsável pelo transporte público da cidade. Entretanto, o subsídio evitou que a passagem subisse para R$ 5,40.

Além disso, Americana anunciou recentemente ônibus grátis para idosos.

Enquanto isso, em Santa Bárbara, a conversa nos bastidores é de que há pressão de que caso os vereadores não aprovem o projeto, a Sertran terá que subir a passagem para os R4 5,70 citados em parecer técnico.

Publicidade