Vacinação muda em duas cidades da região

Imunização contra febre amarela será amplificada para americanenses e barbarenses a partir de amanhã


Foto: Arquivo - O Liberal.JPG
A vacinação em Americana agora ocorrerá em 17 unidades, sempre das 9 às 15 horas

A vacinação contra a Febre Amarela será ampliada a partir desta quarta-feira em Americana e Santa Bárbara d’Oeste, com disponibilização de doses em mais 16 UBSs (Unidades Básicas de Saúde). As duas cidades seguem fora da área de recomendação ou risco, ao contrário de Nova Odessa, que foi classificada como área de recomendação, e também terá aumento na vacinação. As três cidades realizam, neste sábado, o “Dia D”, com vacinação em várias unidades.

O aumento nos municípios foi determinado pelo Ministério da Saúde e Secretaria de Estado da Saúde. De acordo com o secretário de Saúde de Americana, os municípios foram chamados e receberam a notícia de que haveria aumento nas doses. Na cidade, a vacinação era feita em 10 unidades, e agora acontecerá em 17, sempre das 9 às 15 horas.

É preciso apresentar comprovante de residência e carteira de vacinação. De acordo com a Vigilância Epidemiológica, os idosos não precisarão mais apresentar carta médica, visto que análises recentes demonstraram que o risco de complicações após a vacina está relacionado às doenças preexistentes e respostas imunológicas individuais, e não apenas ao fator idade.

Segundo a coordenadora da Vigilância Epidemiológica, Simone Maciel, a ampliação irá possibilitar a cobertura para todos os moradores do município. De acordo com a Vigilância Epidemiológica, cada frasco contém dez doses da vacina e, uma vez aberto, deve-se utilizar todo o conteúdo. Por isso, segundo a unidade, se não houver a quantidade suficiente de pessoas nas UBSs após as 14h, haverá reagendamento para o dia seguinte, a fim de evitar desperdício.

A vacinação também será ampliada em Santa Bárbara. Hoje, apenas duas unidades oferecem as doses, e a partir de amanhã, esse número subirá para 11. É preciso levar comprovante de endereço, cartão SUS e carteira de vacinação.

Segundo informações da prefeitura da cidade, serão disponibilizadas doses para atender toda a população. A meta é vacinar 95% dos moradores.

A ampliação atingirá também Nova Odessa, que foi classificada como área de recomendação. As vacinas serão aplicadas nas cinco UBSs da cidade e não será necessário agendamento prévio. Serão 100 doses diárias em cada uma, seguindo o cronograma (veja ao lado). Em Sumaré, a partir do dia 20 haverá vacinação também na USF Ângelo Tomazin, localizada na região do Maria Antonia, às terças.

DIA D. Três municípios da RPT (Região do Polo Têxtil) vão aderir ao “Dia D” para vacinação. A ação ocorre neste sábado em Americana, Nova Odessa e Santa Bárbara. O objetivo é intensificar a vacinação nessas cidades, por determinação do Ministério da Saúde e Secretaria de Estado da Saúde. Em Americana, oito unidades ficarão abertas das 8h às 17h.

Já em Santa Bárbara, o horário do “Dia D” será das 8 às 13h, nas mesmas 11 unidades onde ocorre a vacinação diária. Em Nova Odessa será feita em três unidades.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!