Vacinação contra a gripe é ampliada para todos os grupos

Na primeira semana da campanha, 7.742 pessoas se protegeram na RPT; campanha contra gripe segue até 30 de abril


Foto: Divulgação
Na primeira semana da campanha, 7.742 pessoas se protegeram na RPT

A partir desta segunda-feira, todas as pessoas que se encaixam no público-alvo da campanha de vacinação contra a gripe podem tomar as doses. Na primeira semana, a imunização foi restrita a crianças, gestantes e puérperas.

A partir de agora, podem se vacinar idosos, professores, trabalhadores da área de saúde, presos, funcionários do sistema prisional, jovens que cumprem medidas socioeducativas, além de pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais.

Na primeira semana da campanha, 7.742 pessoas se protegeram na RPT (Região do Polo Têxtil) – apenas Americana não informou as doses aplicadas pois o sistema desses dados estava travado nesta segunda-feira.

Mulheres, crianças e puérperas que ainda não se protegeram podem procurar uma unidade de saúde. A campanha contra gripe segue até 30 de abril.

Como os postos de saúde atendem em horário comercial durante a semana, as prefeituras estão se organizando para o Dia D – um sábado no qual unidades estarão abertas ofertando as doses ao público-alvo. A ação está marcada para o dia 4 de maio.

“É indispensável que as pessoas pertencentes aos grupos prioritários que ainda não se imunizaram compareçam aos postos. Tomar a vacina é especialmente importante para evitar complicações futuras, como pneumonias”, afirma a diretora de Imunização da Secretaria Estadual de Saúde, Helena Sato.

A meta é que 90% das pessoas que fazem parte dos grupos prioritários sejam vacinadas, o que nas cinco cidades da RPT corresponde a um total de 201 mil doses.

LIBERAL VIRTUAL Acesse agora

Receba nossa newsletter!