10 de maio de 2021 Atualizado 18:08

8 de Agosto de 2019 Atualizado 13:56
MENU

Publicidade

Compartilhe

Covid-19

Sumaré ultrapassa marca de 600 mortes causadas pelo novo coronavírus

No total, cidades da RPT informaram 23 mortes provocadas pela pandemia nos boletins desta sexta-feira

Por Marina Zanaki

09 abr 2021 às 21:16 • Última atualização 09 abr 2021 às 21:21

A cidade de Sumaré ultrapassou a marca de 600 mortes pelo novo coronavírus (Covid-19) nesta sexta-feira (9). O município é o primeiro da RPT (Região do Polo Têxtil) que atinge a triste marca.

Município mais populoso da região, Sumaré tem registrado os maiores números na pandemia. Além disso, a cidade também tem enfrentado lotação do sistema de saúde e dificuldade em conseguir transferir pacientes para unidades intensivas.

O boletim desta sexta informou mais 12 mortes por coronavírus, totalizando 605 vítimas da pandemia na cidade. Sumaré tem 229 pacientes internados em leitos para Covid-19, dos quais 142 testaram positivo e os demais aguardam resultado de exames. Veja detalhes dos óbitos informados hoje:

  • Mulher de 47 anos, sem comorbidades. Estava internada no Hospital Irmãos Penteado Campinas, faleceu em 7 de abril;
  • Mulher de 78 anos, com comorbidades. Estava internado na Santa Casa de Louveira e faleceu em 17 de março;
  • Mulher de 72 anos, com comorbidades. Estava internada no Hospital Samaritano Campinas e morreu em 6 de abril;
  • Homem de 55 anos, com comorbidades. Estava internado em São Paulo no Hospital Bosque da Saúde e morreu no dia 5 de abril;
  • Homem de 61 anos, com comorbidades. Estava internado no Hospital Municipal de Nova Odessa e faleceu em 27 de março;
  • Mulher de 72 anos, com comorbidades. Estava internada no Hospital Santa Tereza Campinas e morreu em 8 de abril;
  • Homem de 68 anos, com comorbidades. Estava internado na UPA Macarenko e morreu em 7 de abril;
  • Homem de 52 anos, com comorbidades. Estava internado na UPA Macarenko e faleceu em 8 de abril;
  • Homem de 57 anos, com comorbidades. Estava internado no Hospital Municipal de Paulínia e morreu em 1° de abril;
  • Homem de 86 anos, com comorbidades. Estava internado no Hospital Beneficência Portuguesa Campinas e morreu em 22 de março;
  • Homem de 67 anos, com comorbidades. Estava internado na UPA Macarenko e morreu em 8 de abril;
  • Mulher de 79 anos, com comorbidades. Estava internada na UPA Macarenko e morreu em 28 de março.

Receba as notícias do LIBERAL no WhatsApp

Americana informou mais quatro mortes pela Covid-19 nesta sexta-feira. O município possui apenas 5 leitos de UTI vagos, todos no Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi.

Hortolândia informou mais quatro mortes e contabiliza agora 412 vítimas da pandemia. A cidade tem 95 moradores internados com suspeita ou confirmação para a doença, dos quais 57 estão em unidade hospitalar fora do município. Veja dados das vítimas informadas nesta sexta-feira:

  • mulher, 76 anos, com comorbidades. Foi internada na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia no dia 2 de abril e faleceu no dia 5;
  • homem, 61 anos, com comorbidades. Faleceu no dia 2 de abril, mas a prefeitura não informou se ele estava internado em alguma unidade de saúde;
  • mulher, 60 anos, com comorbidades. Foi internada na Unidade Respiratória no dia 24 de março e morreu no dia seguinte;
  • homem, 58 anos, com comorbidades. Foi internado na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Jardim Amanda no dia 3 de março, mesma data em que faleceu.

Nova Odessa confirmou nesta sexta-feira a 113ª morte pelo coronavírus. O paciente era um idoso de 81 anos que morava no Jardim Triunfo. Ele faleceu no último dia 26 de março, no Hospital e Maternidade Dr. Acílio Carreon Garcia. A prefeitura não informou se ele tinha alguma comorbidade.

A prefeitura destacou redução no número de internados na cidade. Três pessoas que estavam internadas na Unidade Respiratória tiveram alta, reduzindo de 12 para nove o número de pacientes na unidade.

O recuo de pacientes também foi notado na nova “ala Covid” do Hospital e Maternidade Municipal. De 12 pacientes internados, agora o número caiu para 10 – a prefeitura não especificou se eles tiveram alta, foram transferidos ou faleceram. O número de moradores de Nova Odessa internados em leitos de UTI em hospitais de outras cidades segue em 26.

O LIBERAL no seu e-mail: se inscreva na nossa newsletter

Santa Bárbara d’Oeste informou duas mortes e registra 405 vítimas. No total, 13.313 moradores se contaminaram, dos quais 12.308 estão recuperados.

Todos os leitos públicos com respiradores da cidade estão ocupados nesta sexta-feira. Os leitos públicos de enfermaria têm 90% de ocupação. Veja informações divulgadas pela prefeitura sobre as duas vítimas informadas nesta sexta-feira:

  • homem, 75 anos, faleceu em 02 de abril;
  • homem, 47 anos, faleceu em 09 de abril.

Publicidade